Entrevista

“Precisamos destravar o Estado”, diz Simplício Araújo

Candidato ao Governo do Estado pelo Solidariedade e ex-secretário de Indústria e Comércio disse que o Maranhão precisa buscar novos caminhos para garantir geração de emprego.

Clóvis Cabalau/Ipolítica

- Atualizada em 09/08/2022 às 16h57

SÃO LUÍS - Simplício Araújo (Solidariedade) vai disputar o Governo do Estado sem uma coligação partidária e disposto a discutir propostas que, segundo ele, estarão isentas de “politicagem”. “Precisamos destravar o Estado, porque Prefeituras e o próprio Governo mais atrapalham do que ajudam empreendedores a gerar emprego e renda, salientou o ex-secretário de Indústria e Comércio, em conversa com Imirante.

Leia mais: Ao lado do autor da Lei da Ficha Limpa Simplício lança candidatura ao governo

Sobre o “voo solo” do Solidariedade nessas eleições, Araújo acredita que pode ser exceção à regra e driblar o jogo eleitoral que costuma favorecer o agrupamento de partidos. “Antes só do que mal acompanhado. Eu vejo muita confusão nos grupos políticos que estão sendo montados aí. Conversei com outros partidos, mas os diálogos esbarraram nas exigências (financeiras) que os partidos fazem”, disse o ex-secretário.

Assista acima à íntegra da entrevista.

Leia também:

PCB também lança candidato a governador do Maranhão

PSTU confirma Hertz Dias para a disputa do governo em convenção

Sem vice definido, MDB confirma Tebet na corrida presidencial

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.