Crime foi em 2016

Preso último acusado de participar de triplo homicídio em Esperantinópolis

Antônio Teixeira de Oliveira é apontado como um dos autores da execução de um casal e de uma criança de 9 anos.
Imirante.com31/10/2018 às 15h23
Preso último acusado de participar de triplo homicídio em EsperantinópolisAntônio Teixeira de Oliveira, conhecido como “Toin do Alto”. (Foto: Divulgação)

ESPERANTINÓPOLIS – Nesta quarta-feira (31), policiais civis da 14ª Delegacia Regional de Pedreiras deram cumprimento ao mandado de prisão preventiva em desfavor de Antônio Teixeira de Oliveira, conhecido como “Toin do Alto”, pela prática de um triplo homicídio na cidade de Esperantinópolis.

Segundo a Polícia Civil, o crime aconteceu no dia 17 de março de 2016, por volta das 19h, no povoado Centro do Meio, zona rural de Esperantinópolis. As vítimas foram identificadas como: Manoel Alves de Souza, conhecido como “Thor”; Antônia Ramos Alves, mulher de Manoel; e o filho do casal, identificada como Kaic Alves Lima, que tinha apenas 9 anos de idade.

Relembre o caso:

Família é assassinada em estrada vicinal de Esperantinópolis-MA

Triplo homicídio é investigado em Esperantinópolis

De acordo com as investigações, em 2016 o empresário Erismar Lopes de Souza foi preso mediante cumprimento de mandado de prisão preventiva, suspeito de ter contratado Francisco Messias Filho, conhecido como “Mãozinha”, e Antônio Teixeira de Oliveira, o “Toin do Alto”, para executarem Manoel Alves de Souza, o “Thor”.

No dia 17 de março de 2016, Manoel Alves a mulher e o filho estava em uma motocicleta, em uma estrada vicinal do povoado Centro do Meio, quando foram abordados pelos criminosos, que os executaram com vários tiros.

Cerca de um mês após o crime, a polícia prendeu Francisco Messias Filho, conhecido como “Mãozinha”, foi preso. Em 2017, o empresário Erismar Lopes de Souza foi a júri popular, por ser mandante do crime, e foi condenado a 52 anos e 2 meses de prisão.

Antônio Teixeira de Oliveira era o único coautor das execuções ainda solto. Após a prisão desta quarta, “Toin do Alto” ficará à disposição do Poder Judiciário.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.