Xodó do Brasil

Rayssa Leal vira "hit" na internet e pede até uma Olimpíada no Maranhão

Maranhenses do skate ganhou apoio de vários famosos, viralizou com seus stories divertidos no Instagram e, ao reclamar do calor em Tóquio, pediu até para os Jogos acontecerem em Imperatriz, sua cidade natal
Eduardo Lindoso/ O Estado 22/07/2021 às 15h51
Rayssa Leal vira "hit" na internet e pede até uma Olimpíada no MaranhãoRayssa Leal virou o xodó da delegação do Brasil em Tóquio (Arquivo pessoal )

SÃO LUÍS – Com a mística de ser a atleta mais nova na história do Brasil nas Olimpíadas, a skatista maranhense Rayssa Leal, de 13 anos, despertou a atenção do mundo do esporte. Agora, com a simpatia e alegria ela conquistou o coração dos brasileiros. A Fadinha abriu conta no Twitter, vem ganhando milhares de seguidores no Instagram e, com seus stories divertidos, virou “hit” na web. Ela já ganhou a torcida de Juliette, vencedora da última edição do Big Brother Brasil, da também ex-BBB Thelma, do apresentador da Globo, Felipe Andreoli, da conterrânea Thaynara OG e de muitos outros famoso. Enfim, a Fadinha viralizou. Imagina se vier uma medalha? E trabalho não tem faltado para isso. Rayssa tem mostrado também pelas suas redes sociais suas duras horas de treino no Japão, sob o forte calor no Ariake Sports Urban Park, em Tóquio.

Leia também:

Maranhão em Tóquio 2021: conheça os 12 atletas do estado que estarão nas Olimpíadas

Maranhense Rayssa Leal faz seu primeiro treino já em Tóquio

Rayssa Leal, a "Fadinha" do Skate, ganha apoio de Juliette

Rayssa Leal virou um verdadeiro show na internet. Ela já mostrou seu quarto na Vila Olímpica, debateu sobre a polêmica do “colchão de papelão”, viralizou mostrando as artimanhas dela e dos seus companheiros para se livrarem da sensação térmica de 40 graus nas sessões de treinos no local das competições do skate e segue divertindo seus seguidores. Famosos se derretem pela jovem atleta, que exala carisma.

Entre as postagens mais festejadas da Fadinha também são as comemorações dela nas vitórias do Brasil, tanto no futebol feminino, quanto no masculino. “Tio @PaulinhoPH7 que gol foi esse mermão!”, postou a jovem atleta, reverenciando o atacante da seleção, Paulinho, que fez o quarto gol na goleada sobre a Alemanha.

Sobre o calor no Japão, Fadinha chegou a pedir uma Olimpíada em Imperatriz: “Mas rapaz!! Como é que pode isso? 27 graus na minha cidade! Nunca vi tão frio! Bora fazer Olimpíadas em Imperatriz? Dá tempo ainda produção?”, postou ela, com uma foto da temperatura na sua terra natal, no interior do Maranhão, que fazia 27 graus no momento.

E as postagens não param, quando não está treinando ou dormindo, Rayssa Leal está fazendo a diversão da galera na internet.

Competição

A estreia do skate será no dia 25, com o street masculino. No dia 26, as mulheres entram na competição. As provas serão realizadas no Ariake Sports Park Skateboarding, palco oficial da modalidade.

Representando o Brasil, no street feminino estão Leticia Bufoni, Pâmela Rosa e Rayssa Leal. No masculino, integram o time Felipe Gustavo, Giovanni Vianna e Kelvin Hoefler.

Rayssa Leal se destacou na modalidade skate street após ter um vídeo caseiro em que ela executa manobras fantasiada de fada por ruas da cidade de Imperatriz, que viralizou no país. Depois disso, a jovem se profissionalizou. Rayssa chegou a concorrer ao prêmio Laureus, a principal premiação do universo esportivo. Fadinha proporcionou um momento histórico para o skate brasileiro, em Los Angeles. A maranhense, que tinha apenas 11 anos, conquistou pela primeira vez uma etapa da SLS (Mundial de Skate Street), se tornando a mais jovem atleta a conseguir essa façanha.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.