Futebol Maranhense

Hans Nina renuncia à presidência do Moto Club

O mandatário do Papão do Norte alegou problemas de saúde para deixar o cargo.
Gustavo Arruda / Imirante Esporte01/11/2016 às 20h44

SÃO LUÍS - O presidente do Moto Club, Hans Nina, renunciou ao cargo na noite desta terça-feira (1º), durante a assembleia de conselheiros do clube, realizada no auditório do Tribunal de Justiça Desportiva do Maranhão (TJD-MA), no Centro de São Luís. O mandatário do Papão do Norte alegou problemas de saúde para deixar a presidência, que deveria ocupar até junho de 2017.

Ex-diretor de marketing do Moto Club e membro da diretoria desde 2013, Hans Nina foi eleito presidente do Rubro-Negro em junho de 2015. Na gestão de Hans, o Moto viveu um 2016 histórico, com a conquista do Campeonato Maranhense após oito anos de jejum e o quarto lugar no Campeonato Brasileiro Série D, que lhe rendeu o acesso à Terceira Divisão na próxima temporada.

Apesar de ter renunciado à presidência do Moto Club, Hans Nina se colocou à disposição da próxima diretoria do Papão do Norte. Em 2017, o Moto disputará quatro competições: além do Campeonato Maranhense e do Campeonato Brasileiro Série C, o Rubro-Negro está garantido nas Copas do Brasil e do Nordeste.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.