Verão 2014

Reunião vai discutir o período de veraneio em Imperatriz

O encontro está marcado para o próximo dia 16 no auditório da Semed.

Imirante Imperatriz, com informações da assessoria.

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h53
(undefined)

IMPERATRIZ – Os dirigentes das associações dos barraqueiros das praias do Cacau e do Meio, insatisfeitos com a oscilação no nível do Rio Tocantins nos fins de semana devido à liberação de águas pela hidrelétrica de Estreito, procuraram o Ministério Público para tentar resolver essa situação.

Os barraqueiros garantem que no ano passado contabilizaram muitos prejuízos, uma vez que as enchentes provocadas pela liberação das águas aconteceram nos sábados e domingos, dias de maior movimentação de público nas praias de Imperatriz.

O titular da Promotoria Especializada em Defesa do Meio Ambiente, promotor Jadilson Cirqueira, e o superintendente da Defesa civil, Francisco das Chagas, atenderam as reclamações dos barraqueiros e foi enviado um ofício ao gerente local do Consórcio Estreito Energia (Ceste), que administra a hidrelétrica, João Rezek.

No ofício, Jadilson Cirqueira e Francisco das Chagas convidam o gerente para uma reunião a ser realizada no próximo dia 16, às 09h, no auditório da Secretaria Municipal de Educação (Semed).

“Estamos convidando Vossa Senhoria, para fins de esclarecimentos técnicos sobre as alterações de vazões a jusante da UHE-Estreito, com inclusão do município de Imperatriz, nos meses de junho, julho e agosto de 2014, diante da necessidade de abertura do período de veraneio e organização prévia de atividades turísticas”, afirma o documento.

Também foram convidados Procuradoria Geral do Município, Câmara de Vereadores, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Ministério Público Estadual, Ministério Público Federal, Marinha do Brasil, associações dos barraqueiros.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.