Assista ao vídeo

Jason Momoa vai processar brasileiro que manipulou vídeo insinuando assédio

Jason Momoa recebeu diversos comentários ofensivos que o acusam injustamente.
Na Mira09/01/2019 às 18h01
Jason Momoa vai processar brasileiro que manipulou vídeo insinuando assédioSegundo o site de notícias, os representantes oficiais de Jason Momoa já estão tomando as devidas providências legais. ( Foto: Reprodução / Internet)

O brasileiro que manipulou o vídeo em que Jason Momoa estaria supostamente assediando sexualmente sua filha será processado pelo protagonista do filme Aquaman. Jason Momoa recebeu diversos comentários ofensivos que o acusam injustamente.

Segundo o site de notícias, os representantes oficiais de Jason Momoa já estão tomando as devidas providências legais. De acordo com uma internauta brasileira, que é membro do Fã Clube Oficial do Jason Momoa no Brasil, a assessoria do ator já está em contato com o grupo de fãs, que auxiliaram a desmentir a fake news.

A internauta afirmou ainda que a equipe do astro já tomou todas as medidas judiciais cabíveis para punir o(s) criminoso(s), e garantir que o vídeo adulterado seja retirado das redes sociais.

Entenda o caso:

Um ou mais usuários do Twitter editaram um vídeo em que Jason Momoa, junto de seus filhos durante a premiére do filme Aquaman no Havaí, dá a impressão de que ele estava assediando sua própria filha.

Jason Momoa passou a ser muito criticado após o compartilhamento do vídeo entre os internautas. Os comentários denunciavam que o ator estava apalpando os seios de sua filha. Os internautas foram além, e chegaram a dizer que, em determinado ponto da gravação, a jovem retira a mão do pai de seu corpo por se sentir violada.

Ao analisar o vídeo completo com cuidado, fica nítido que o ator estava num momento de emoção com os filhos, abraçando-os com carinho. Visivelmente sensibilizado com a apresentação, ele faz movimentos involuntários enquanto apoia os braços sobre os ombros dos dois filhos.

Assista ao vídeo:

Polêmicas anteriores:

Em novembro de 2017, o ator Jason Momoa fez uma declaração polêmica. Em um vídeo da Comic-Con 2011, o ator faz uma piada no mínimo infeliz.

“Eu amei trabalhar em Game of Thrones porque pude estuprar lindas mulheres”, diz o ator, se referindo à cena de abuso entre seu personagem e Daenerys (Emilia Clarke).

Após a repercussão, Momoa usou o Instagram para publicar uma nota de desculpas pública: “Eu acordei na Austrália e recebi as reações indignadas e justificadas de muitas pessoas a uma piada de mau gosto que fiz no Hall H em anos atrás. Por isso, eu peço desculpas”, escreveu.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.