Coronavírus

Após chegar em navio, indiano internado com variante Delta morre em São Luís

O tripulante de 54 anos chegou no navio MV Shandong da Zhi, testou positivo para Covid e ficou internado.
Imirante.com, com informação da TV Globo28/06/2021 às 06h31
Após chegar em navio, indiano internado com variante Delta morre em São LuísNavio MV Shandong da Zhi ficou em quarentena após chegar ao Maranhão. (Foto: Reprodução/TV Globo)

SÃO LUÍS – O tripulante indiano de um navio que chegou em maio ao Maranhão morreu no último sábado (26). Trata-se de Rajan Parakottil, de 54 anos, que estava internado com a variante Delta do novo coronavírus.

O indiano chegou no navio MV Shandong da Zhi, que ficou em quarentena. O homem ficou internado em hospital da rede privada, mas não resistiu. Ele começou a sentir os sintomas da Covid no dia 4 de maio, apresentando febre.

Além do indiano, foi feita uma avaliação clínica dos outros 23 tripulantes da embarcação e a coleta de amostras para diagnóstico da Covid-19 e investigação epidemiológica dos casos suspeitos.

Leia mais:

Testes de pessoas que tiveram contato com paciente indiano não detectaram nova cepa

Governo do Maranhão afirma que Anvisa autorizou entrada de 38 indianos no Estado

Primeiros 40 resultados de testes de profissionais que tiveram contato com indiano no MA dão negativo para nova cepa

Após indiano testar positivo para Covid em navio, SES identifica mais dois tripulantes com sintomas da doença

Indiano é internado em hospital de São Luís com Covid-19

Depois, outros dois tripulantes foram retirados de helicóptero para se tratar da Covid, se recuperaram e voltaram para o navio. Foi feito um rastreio com cerca 230 pessoas que tiveram contato com a tripulação. Segundo o secretário de Saúde do Maranhão, Carlos Lula, em entrevista ao Fantástico, da TV Globo, nenhum deles foi diagnosticado com a variante.

Durante a inspeção, foram coletadas 23 amostras do tipo PCR, sendo 21 de pessoas assintomáticas e duas de pessoas sintomáticas. As amostras coletadas foram encaminhadas ao Laboratório Central de Saúde Pública do Maranhão (Lacen-MA) e para o Instituto Evandro Chagas (IEC), em Belém, que fará o sequenciamento genômico.

Uma reportagem exibida pelo Fantástico, na TV Globo, nesse domingo (27), mostrou que a variante Delta preocupa especialistas. No mundo, ela se espalha rapidamente. (Assista aqui).

O hospital onde o indiano estava internado se manifestou sobre a morte do paciente. Veja:

"O Hospital UDI Hospital lamenta a morte do paciente Rajan Parakottil e se solidariza com a dor dos familiares. O hospital também informa que não tem autorização para divulgar mais detalhes."

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

Selo IVC
© 2019 - Todos os direitos reservados.