Paralisação

Rodoviários entram em greve, e poucos ônibus circulam hoje em São Luís

Classe exige reajuste salarial de 7% e também sobre o valor do tíquete-alimentação.
Imirante.com26/02/2019 às 06h31
Rodoviários entram em greve, e poucos ônibus circulam hoje em São LuísÔnibus das cinco principais empresas não circulam. (Foto: Reprodução/TV Mirante)

SÃO LUÍS – Motoristas e cobradores de ônibus do sistema de transporte público de São Luís cruzaram os braços nesta terça-feira (26). Desde as primeiras horas desta manhã, os trabalhadores das cinco maiores empresas que operam na capital se mobilizaram nas garagens. Essas empresas atendem cerca de 70% da população que utiliza os ônibus.

A motivação é o não cumprimento do acordo firmado em dezembro do ano passado no TRT-MA e pelas inúmeras tentativas sem sucesso, em resolver a situação por meio do diálogo junto aos patrões, Prefeitura de São Luís e o Poder Judiciário. O Sindicato dos Rodoviários do Maranhão decidiu paralisar as principais empresas de ônibus que atuam na capital, desde as primeiras horas da manhã desta terça-feira (26).

A medida tem o intuito de obrigar os empresários a cumprirem o acordo - reajuste salarial de 7% e também sobre o valor do tíquete-alimentação. Esse movimento tem o aval dos rodoviários, que concordam que a paralisação é a alternativa mais eficaz, para fazer valer os direitos da categoria. O presidente do Sindicato, Isaías Castelo Branco, eestve concentrado em frente a garagem da Taguatur, na área Itaqui-Bacanga. Na Forquilha, na garagem da 1001, também havia representantes da classe. Equipes da Polícia Militar acompanham o protesto que ocorre de forma pacífica.

A paralisação de hoje pegou muitos usuários do transporte coletivo de surpresa. As paradas e terminais de integração ficaram lotados, e muitos trabalhadores e estudantes enfrentaram transtornos. Por volta das 7h, alguns ônibus começaram a sair das garagens onde houve o movimento.

Apesar do reajuste nas tarifas concedido pela Prefeitura de São Luís, os empresários não cumprem acordo com os rodoviários. Há um mês, os preços das tarifas de ônibus do sistema de transporte foram reajustados e passaram a custar R$ 3,40 nas linhas integradas e R$ 2,95 nas linhas não integradas.

Matéria atualizada às 7h25

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

Selo IVC
© 2019 - Todos os direitos reservados.