Vídeo

Bombeiros resgatam filhote de peixe-boi em São José de Ribamar

Segundo o Coronel Célio Roberto, comandante geral do CBMMA, o filhote com cerca de dois meses de vida estava descarrado da mãe e há quatro dias estava em um igarapé sem alimentação.
Imirante.com, com informações do Corpo de Bombeiros26/04/2021 às 17h46
Filhote comcerca de dois meses foi resgatado na área Guarapiranga. (Foto: Reprodução)

SÃO JOSÉ DE RIBAMAR – Um filhote de peixe-boi foi resgatado, nesse domingo (25), pelo Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA) na área de Guarapiranga, no município de São José de Ribamar, Região Metropolitana de São Luís.

Leia também:

Filhote de peixe-boi é encontrado morto em Humberto de Campos

VÍDEO: felino é visto circulando nas areias do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses

Segundo o Coronel Célio Roberto, comandante geral do CBMMA, o filhote com cerca de dois meses de vida estava desgarrado da mãe e há quatro dias estava em um igarapé sem alimentação.

Ouça o Coronel Célio Roberto falando sobre o resgate do filhote de peixe-boi:

O animal foi resgatado por militares do 10º BBM do Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA) e agente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais (Ibama). O filhote de peixe-boi foi levado para o Cetas/Ibama, onde será tratado até poder retornar ao seu habitat

Assista ao vídeo do resgate:

Peixe-boi encontrado morto

No último dia 7 de abril, no município de Guimarães, um peixe-boi foi encontrado morto. O fato só foi divulgado na quinta-feira (15), pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Na sexta-feira (10), uma equipe de pesquisadores do ICMBio se deslocou para o município de Guimarães para atender a ocorrência. O peixe-boi marinho (Trichechus m. manatus) foi encontrado morto na praia de Itapiranga.

De acordo com o instituto, o local do encalhe do animal fica no entorno da Reserva Extrativista de Itapetininga, uma das Unidades de Conservação Federais gerida pelo ICMBio São Luís. A ação, coordenada pela bióloga e analista ambiental do instituto, Laura Reis, contou com a presença do secretário de Meio Ambiente de Guimarães, César Ribeiro, entre outros servidores da secretaria e moradores da comunidade.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.