Preso em Icatu

Um mês depois de fugir do Sistema Prisional, condenado pela morte de idosa em Bacabal é recapturado

Genilson Melo Cabral fugiu da Unidade Prisional de Ressocialização (UPR), no bairro Olho d''Água, no dia 20 de novembro de 2018.
Imirante.com05/01/2019 às 10h27
Genilson Melo Cabral, 28 anos. / Foto: Divulgação.

ROSÁRIO – No início da noite dessa sexta-feira (4), a Polícia Militar prendeu Genilson Melo Cabral, 28 anos, que estava foragido do Sistema Prisional do Maranhão.

Leia também:

Identificados fugitivos da unidade prisional do Olho d'Água

Fugitivo de Pedrinhas é recapturado no centro da capital​

Um dos fugitivos da UPR do Olho d'Água é morto a tiros em São José de Ribamar

Segundo o 27º BPM, a guarnição de serviço recebeu informações sobre o paradeiro de um fugitivo do sistema prisional e, de posse das informações, a guarnição fez levantamentos e averiguou que o foragido, identificado como Genilson Melo Cabral, era acusado de estupro na cidade de Bacabal e estava escondido na casa de uma irmã no conjunto Bom Que Dói, na cidade de Icatu.

A casa foi cercada pela Polícia Militar, e Genilson Melo foi capturado e apresentando na Delegacia de Rosário. O fugitivo havia sido condenado pelo assassinato da idosa Maria Luiza de Sousa, de 78 anos, no município de Bacabal. O crime aconteceu em março de 2016, quando a idosa foi estrangulada dentro de casa.

Relembre o caso: Idosa de 78 anos é assassinada dentro de sua casa, em Bacabal

Genilson Melo Cabral foi preso e condenado pelo crime, mas fugiu da Unidade Prisional de Ressocialização (UPR), no bairro Olho d'Água, no dia 20 de novembro do ano passado.

Buraco por onde os internos fugiram. / Foto: Divulgação.

Na ocasião, ele e mais 12 internos fugiram por um buraco no muro da quadra onde é feito o banho de sol.

Relembre o caso: Fuga de 13 internos é registrada em unidade de ressocialização em São Luís

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.