Em Paço do Lumiar

Preso acusado de matar o meio-irmão por causa de herança

O crime aconteceu no dia 22 de janeiro deste ano, em Paço do Lumiar.
Imirante.com14/03/2019 às 19h02
Preso acusado de matar o meio-irmão por causa de herança Wanderson da Silva Araújo. (Foto: Divulgação)

PAÇO DO LUMIAR - A Polícia Civil do Maranhão deu cumprimento a mandado de prisão temporária, de trinta dias, nesta quinta-feira (14), contra Wanderson da Silva Araújo, pela prática de homicídio qualificado contra Luís Renê do Vale Santos.

O crime aconteceu no dia 22 de janeiro deste ano, por volta das 17h. A vítima foi morta com disparos de arma de fogo, na avenida 2 da Vila Nossa Senhora da Vitória, no bairro Pirâmide, em Paço do Lumiar.

O fato foi tipificado como homicídio qualificado por motivo torpe e realizado de emboscada, nos termos do Art. 121, incisos I e IV, CPB, o que tornou o crime hediondo.

A torpeza ficou caracterizada pela motivação, pois autor e vítima eram filhos do mesmo pai, sendo a vítima filho de criação, e estavam disputando a herança deixada pelo pai. Além disso, a qualificação se deu, também, porque o autor, no dia do crime, preparou uma emboscada para a vítima ao vigiá-la em seu comércio e esperar o melhor momento para lhe atacar.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.