O Mundo | Na Suprema Corte

Plano de Trump para tirar imigrantes de censo dos EUA enfrenta resistência

O levantamento é usado para definir o número de assentos no Congresso e a distribuição dos distritos nas próximas eleições norte-americanas
02/12/2020

WASHINGTON - A Suprema Corte dos Estados Unidos se mostrou relutante em aceitar uma proposta do governo Donald Trump para excluir os imigrantes ilegais do censo deste ano. É a partir deste levantamento que o país define a distribuição de seus distritos eleitorais e o número de assentos no Congresso.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

Assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte