Polícia | Investigação

Polícia tem 10 dias para apurar morte de publicitário em São Luís

Um acusado de assassinar Diogo Costa, na área da Lagoa da Jansen, foi preso em cumprimento de ordem judicial
18/06/2020

SÃO LUÍS - A Polícia Civil tem o prazo de dez dias para encaminhar o inquérito sobre a morte do publicitário Diogo Adriano Costa Campos ao Poder Judiciário. Segundo a polícia, a vítima foi assassinada a tiros durante uma briga de trânsito, ocorrida no começo da tarde da última terça-feira, 16, na Lagoa da Jansen. O principal acusado, identificado como Ayrton Campos Pestana, foi preso em cumprimento de ordem judicial e, no momento, está custodiado no Complexo Penitenciário de Pedrinhas.

Estamos vivendo uma situação onde o senso de coletividade, a prevenção e conscientização são fundamentais. Em momentos como esse, a informação não tem preço. Por esse motivo o jornal O Estado está liberando o acesso gratuito a todo o seu conteúdo. Fique em casa e bem informado. Leia O Estado.

Já tenho cadastro

entrar

Ainda não tenho cadastro

Cadastre-se

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte