Cidades | Projeto

Coroado de Natal tem dia de culminância com ações culturais

Realizado pelo Instituto Rede Coroado de Natal, o evento contou com apresentações musicais, exposição dos projetos e entrega de honraria aos parceiros do projeto
Carla Melo / O Estado02/12/2019

As comunidades que formam o Polo Coradinho participaram, neste domingo (1º) do XIII Coroado de Natal, evento que ocupou as dependências da escola estadual Dorilene Silva Castro. O evento reuniu entidades que apresentaram o resultado de seus trabalhos alcançados por meio de incetivos provenientes da Lei Estadual de Incentivo à Cultura, com o patrocínio da Equatorial Energia.

Realizado pelo Instituto Rede Coroado de Natal, o evento teve um caráter diferenciado este ano. “Nosso objetivo é garantir o desenvolvimento sustentável dessas comunidades atuando em eixos como educação, meio ambiente, arte, entre outros. Na culminância deste ano resolvemos apresentar o resultado do ano de trabalho bem como agradecer e homenagear nossos parceiros que estiveram conosco nesta caminhada”, disse Fernando Mendonça, um dos idealizadores do projeto.
A programação contou com apresentação muscal, exposição dos projetos, entrega de honraria aos parceiros e a palavra dos homenageados e visitação aos espaços de exposição.

Uma das coordenadoras do evento, Maria Aparecida de Figueirêdo, conta que o projeto evoluiu muito nos últimos anos. “Alcançamos 42 bairros com as ações do projeto e isto tem refletido positivamente na realidade nas nossas comunidades. Aqui podemos ver tudo que foi feito por elas ao longo do ano e graças ao apoio do projeto”.

Uma das exibidoras do evento era Lucilene Santos, da Dança Portuguesa Majestade de Coimbra. Com o auxílio do projeto, o grupo conseguiu melhorar suas indumentárias e investiu na confecção de roupas, botas e acessórios. Tudo exposto no evento.

Outro grupo de dança, Esplendor de Miranda, também aproveitou a mostra para apresentar seu trabalho. “Aqui podemos apresentar nossas indumentárias que são feitas pelos brincantes, suas famílias e também pela comunidade a partir do apoio do projeto”, disse Viviane Bom Tempo, integrante da dança.

As ações da Rede Coroado de Natal já são desenvolvidas na comunidade há mais de 10 anos por meio de instituições que anteriormente realizavam atividades de forma isolada. Atualmente, a rede conta com um total de 24 instituições comunitárias que, de forma integrada, colocam em prática projetos relacionados com a saúde, educação, estruturação urbana entre outros eixos.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte