Polícia | Barbárie

Adolescente é apreendido por estrangular a tia em Barreirinhas

Crime ocorreu após uma discussão entre os dois, que haviam ingerido bebida alcoólica; acusado foi apreendido
Ismael Araújo26/09/2019

BARREIRINHA - A Polícia Civil ainda ontem estava aguardando a decisão judicial para transferir um adolescente de 17 anos, para uma das unidades da Fundação da Criança e Adolescente (Funac), na capital. Ele foi apreendido na terça-feira, 24, no povoado Centro Velho, zona rural de Barreirinhas, acusado de ter degolado a própria tia, Maria da Conceição, conhecida como Conça.

O delegado Cristiano Morita informou que a vítima e o menor haviam ingerido bebida alcoólica em uma casa de forno e, logo depois começaram a discutir. Durante a briga, o adolescente teria matado e degolado a vítima em uma área de campo.

Os familiares ficaram espantados ao olharem a cabeça da vítima nas mãos do menor e acionaram a polícia. O corpo foi removido para o hospital da cidade para a autópsia. O adolescente foi apresentado na delegacia regional de Barreirinhas onde foi autuado.

O delegado declarou que os familiares alegaram que o adolescente é portador de problema mental, mas até o começo da tarde de ontem não apresentaram nenhum atestado médico. “A polícia tomou os procedimentos legais e o menor deve ser encaminhado para uma das unidades da Funac, em São Luís”, explicou o delegado.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte