Pesquisas

Escutec: pré-candidatos mantêm estabilidade na corrida eleitoral

Números do novo levantamento tiveram poucas mudanças em relação à pesquisa do mês de junho

Carla Lima/Ipolítica

- Atualizada em 12/07/2022 às 09h54

SÃO LUÍS - O Instituto Escutec traz novos números da corrida eleitoral pelo governo do Maranhão. Os dados apontam para estabilidade entre os pré-candidatos em comparação a pesquisa do mês de junho. 

A pesquisa Escutec/Imirante, que tem registro com o número MA 01386/2022, ouviu 2 mil eleitores nos dias 2 a 7 de julho em 70 municípios. O intervalo de confiança é de 95% e a margem de erro é de 2,19% para mais ou para menos. 

Cenário estimulado mostra Carlos Brandão na frente
Cenário estimulado mostra Carlos Brandão na frente

No cenário estimulado, Carlos Brandão (PSB) se manteve com 27% mesmo após passar quase 50 dias fora do Maranhão devido a problemas de saúde. Ele é seguido por Weverton Rocha (PDT) que vem com 22%. Lahesio Bonfim (PSC), aparece com 16%, Edivaldo Júnior (PSD) ficou com 11%. Simplício Araújo (SD) tem 2%, Ernilton Rodrigues (PSOL) ficou com 1% que é o mesmo percentual de Hertz Dias (PSTU).

Os dados deste cenário estimulado é praticamente o mesmo da pesquisa do mês de junho. Brandão tinha 27% em junho e continua agora. Weverton Rocha caiu 1%. No mês passado, ele tinha 23%, mas considerando a margem de erro, ele se manteve estabilizado.

Lahesio Bonfim tinha 15% em junho e agora subiu um ponto. Edivaldo Júnior se mantém com o mesmo percentual. O mesmo ocorrer com Simplício Araújo, Hertz Dias e Ernilton Rodrigues na relação das duas últimas pesquisas.

No espontâneo, Carlos Brandão também lidera
No espontâneo, Carlos Brandão também lidera
Maior rejeição é do senador Weverton Rocha
Maior rejeição é do senador Weverton Rocha

Segundo turno

A pesquisa Escutec/Imirante trouxe também os cenários de segundo turno. Entre os quadros de disputa entre os pré-candidatos tem o da disputa direta entre Carlos Brandão e Weverton Rocha. 

Neste cenário, Brandão aparece com 34% e Weverton com 33%. 

Se a disputa fosse entre Brandão e Lahesio, o governador venceria com 39% contra 27% de Lahesio Bonfim. E no confronto com Edivaldo Júnior, Carlos Brandão venceria com 39% e o ex-prefeito de São Luís com 22%.

Brandão aparece na frente de Weverton
Brandão aparece na frente de Weverton
Brandão venceria de Lahesio também
Brandão venceria de Lahesio também
Carlos Brandão também venceria de Edivaldo Júnior no segundo turno
Carlos Brandão também venceria de Edivaldo Júnior no segundo turno

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.