Federação

PV reafirma apoio a Brandão, mas apoio a Dino depende de conversas

Partido integra federação com PT e PCdoB, aliados do ex-governador do Maranhão.

Gilberto Léda/ipolítica

- Atualizada em 24/06/2022 às 13h23
Direção do PV reuniu-se em São Luís
Direção do PV reuniu-se em São Luís (Paulo Soares/Grupo Mirante)

SÃO LUÍS - Uma reunião da direção estadual do Partido Verde no Maranhão, confirmou a posição que já havia sido externada pelo presidente local, deputado estadual Adriano Sarney, de apoio à reeleição do governador Carlos Brandão (PSB).

O comando da sigla no estado, contudo, ainda não decidiu se apoiará o ex-governador Flávio Dino (PSB) para o Senado.

Atualmente, o PV integra uma federação partidária junto com PT e PCdoB e qualquer decisão sobre alianças precisa ser tomada por consenso das três siglas.

No caso do apoio ao Senado, a decisão deve ficar para as direções nacionais das três legendas.

“O encaminhamento do Partido Verde, hoje, é de não consenso em relação aos cargos que estão postos pelos outros dois partidos da federação. Temos que dialogar com o PSB para que a gente possa ainda chegar a um consenso", destacou Adriano, ressaltando que a falta de consenso diz respeito apenas aos cargos de senador e suplentes, e de vice-governador.

“O único que temos um consenso é  cargo de governador”, destacou, ao mencionar o apoio a Brandão.

Conversações - Presidente de honra do partido, o ex-deputado federal e ex-ministro do Meio Ambiente Sarney Filho também participou da reunião, e reforçou a política de alianças da sigla, na federação.

Segundo ele, as "conversações" seguem. “A federação vai apoiar o Lula para presidente, o Brandão para governador e ainda estamos em conversações, como disse o presidente do partido, deputado Adriano, para que a gente possa buscar um consenso sobre todas as chapas", comentou.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.