Julgamento

Suspeito de matar idoso a golpes de facão é condenado a mais de anos de prisão

A vítima foi golpeada nas costas, cabeça, clavícula, mãos e costelas dentro de sua residência, em São João Batista.

Imirante.com, com informações do MP-MA

O suspeito de matar idoso em São João Batista foi condenado pela Justiça.
O suspeito de matar idoso em São João Batista foi condenado pela Justiça. (Foto: Divulgação)

SÃO JOÃO BATISTA -  O Poder Judiciário condenou Lucas Silva Alves, também conhecido como Videl, a 23 anos e sete meses de prisão pela morte do idoso José Metério Costa, de 77 anos. De acordo com a Polícia Civil, o crime aconteceu no dia 30 de maio de 2021, no povoado Vertente, zona rural de São João Batista, Baixada Maranhense.

Leia também em: 

Em um intervalo de 24 horas, dois assassinatos e uma tentativa de homicídio registrados em São João Batista

Preso suspeito de participar de grupo de extermínio em São João Batista

O julgamento ocorreu na quarta-feira (3) e foi presidido pelo juiz Moisés de Sá Costa. A promotora de Justiça Natália Macedo representou o Ministério Público na sessão. Lucas Silva foi condenado pelo crime de homicídio triplamente qualificado e motivo torpe, meio cruel e recurso que impossibilita a defesa.

Segundo a denúncia, José Metério estava sentado de costas na varanda de sua residência quando foi esfaqueado. A vítima levou golpes de facão nas costas, clavícula, costela, mãos e na cabeça. Videl ainda teria levado o corpo do idoso para a estrada do povoado Vertente. Os populares levaram a vítima para o hospital da cidade onde morreu.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.