Violência

Polícia investiga homicídio e duplo homicídio registrados em Rosário

Crimes registrados na segunda e terça-feira deixaram a população assustada.

Imirante.com

- Atualizada em 19/01/2023 às 06h46
Mortes violentas registradas em Rosário estão sendo investigados.
Mortes violentas registradas em Rosário estão sendo investigados. (Reprodução)

ROSÁRIO – Um duplo homicídio registrado na segunda (16) e um homicídio nessa terça-feira (17), que aconteceram no município de Rosário, estão sendo investigados pela polícia. A princípio, de acordo com informações do capitão da PM Meneses, os casos não têm ligação.

Na segunda-feira, dois irmãos - José Ribamar Guanabara e Leandro Guanabara -  foram assassinados a tiros. Três criminosos encapuzados, que são integrantes de uma facção, invadiram a casa dos irmãos e efetuaram contra eles disparos de arma de fogo.

As vítimas ainda tentaram se livrar dos bandidos correndo para o quintal da casa, mas não conseguiram escapar e foram mortos.

O trio ainda fugiu levando uma televisão. A polícia acredita que um comparsa em um carro dava apoio aos autores do duplo homicídio. O capitão Meneses disse na manhã de hoje (18) ao Imirante que não pode revelar mais detalhes da investigação.

Ele também relatou sobre um homicídio registrado ontem à noite. Um jovem foi morto dentro de casa. Ele estava na porta quando percebeu que um homem de bicicleta passou e retornou em sua direção. A vítima correu e se trancou no quarto, porém o criminoso arrombou a porta e efetuou tiros. 

Axixá

Também foi registrado na tarde de segunda-feira um homicídio no município de Axixá, que fica próximo a Rosário. Lá, um homem, identificado como Wolney Braga, foi morto a tiros em uma funerária.

O Imirante questionou o governo do Estado sobre as investigações e as medidas adotadas para dar tranquilidade à população local. Leia a resposta da Polícia Civil do Maranhão:

"A Polícia Civil do Maranhão (PC-MA) informa que os casos estão sendo investigados pela 1ª Delegacia Regional de Rosário, de forma integrada com as delegacias de Polícia das cidades de Morros e Axixá, com apoio da equipe da Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI), que já está na região para reforçar os trabalhos investigativos. De acordo com a SPCI, autores de alguns dos casos já foram identificados.

Inicialmente, a PC-MA segue a linha de investigação que os crimes estejam relacionados a guerras entre facções criminosas que atuam na região, porém, não há confirmação de que os acontecimentos estejam ligados".  
 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.