Policiamento preventivo

PM mais presente nas escolas dos Lençóis Maranhenses

O programa Proerd vai ser desenvolvido pelos militares nas turmas do 1º, 5º e 7º ano do ensino fundamental nas escolas dos Lençóis Maranhenses com o objetivo de combater o uso de droga.

Imirante.com

- Atualizada em 01/04/2022 às 16h25
O programa Proerd vai ser implementado nas escolas dos Lençóis Maranhenses.
O programa Proerd vai ser implementado nas escolas dos Lençóis Maranhenses. (Foto: Divulgação)

MARANHÃO - Os policiais militares estarão a partir deste ano mais presentes nas escolas da Região dos Lençóis Maranhenses, principalmente, as turmas do 1º, 5º e 7º ano do ensino fundamental. A tropa do 2ª Batalhão de Turismo, que age nessa localidade do estado, participou do curso de formação de instrutores do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd).

Leia também em: 

Mais de 400 alunos são formados pelo Proerd em Davinópolis

Proerd: Projeto de combate as drogas será expandido na região

O comandante do 2º Batalhão de Turismo, major Ramon, declarou que o Proerd é um programa de prevenção primária contra ao uso de entorpecentes e violência do mundo. Consiste em um esforço cooperativo estabelecido entre a Polícia Militar, a escola e a família.

Esse programa foi implantado no Brasil primeiramente pela Polícia Militar do Rio de Janeiro no ano de 1992 e, em 2002, foi instituído pela polícia maranhense. Durante estes últimos anos, o programa já alcançou várias escolas em todo o Maranhão.

Ainda segundo o major, no último curso de formação de instrutores do Proerd, a tropa do 2º Batalhão de Turismo como ainda profissionais da área de segurança pública dos estados do Piauí, Rondônia e Paraíba participaram e estão aptos a desenvolver esse programa nas escolas. “Foram mais de 15 dias de curso e resultou na formação de 41 novos instrutores do Proerd. Um saldo bem produtivo”, disse o major.

Programa

O sargento Samuel foi um dos militares que concluiu o curso. Ele é o comandante do 2º pelotão da 2ª Companhia da cidade de Paulino Neves. Para ele, as formações oferecidas nas várias áreas pela Polícia Militar são de fundamental importância para a prestação de um serviço eficiente e eficaz para a população. “Os populares só ganham com a capacitação dos miliares”, frisou Samuel.

Em relação ao Proerd, de acordo com o sargento, é um tipo de policiamento comunitário em que o militar vai interagir direto com as famílias e as escolas. Esse programa já tem mais de 30 anos no mundo e a partir deste ano vai ser implementado nos colégios da área dos Lençóis Maranhenses.

Ele ainda informou neste primeiro momento o programa vai atender as turmas do 1º, 5º e 7º ano do ensino fundamental e ao final de cada turma acontece um evento solene de formatura, contando com a presença dos miliares, educadores, alunos e dos seus familiares.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.