Abandono de incapaz

Bebê de dois meses é abandonado na porta de casa pela própria mãe em Estreito

A mãe do bebê foi presa e deve responder pelo crime de abandono de incapaz.

Imirante.com

O bebê tinha sinais de desidratação e fome.
O bebê tinha sinais de desidratação e fome. (Divulgação)

ESTREITO - Uma mulher, de 22 anos, foi presa por suspeita de ter abandonado a própria filha, de apenas dois meses de vida. Tanto o fato, quanto a prisão da suspeita foram realizadas em Estreito, cidade distante 753 km de São Luís.

De acordo com a Polícia Civil do Maranhão (PC-MA), vizinhos denunciaram o caso às autoridades policiais, após a mulher deixar a criança na porta de casa, apenas usando uma fralda suja. Além disso, o bebê tinha sinais de desidratação e fome.

A polícia foi ao local e resgatou a criança, que foi acolhida e levada para o Conselho Tutelar. A criança foi encaminhada ao hospital para receber cuidados médicos e agora está sob cuidados do Conselho.

A mulher, mãe da criança, foi presa. Segundo a polícia, a jovem apresentava sinais claros de embriaguez. Ela deve responder pelo crime de abandono de incapaz.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.