Feminicídio

Mulher é encontrada morta com sinais de violência em Caxias

Segundo a polícia, havia marcas de faca no abdômen da vítima e o principal suspeito foi preso em flagrante.

Imirante.com

- Atualizada em 24/06/2022 às 17h35
A vítima foi morta a golpes de faca, em Caxias e o crime é investigado pela polícia como feminicídio.
A vítima foi morta a golpes de faca, em Caxias e o crime é investigado pela polícia como feminicídio. (Feminicídio - Imirante)

CAXIAS -  Uma mulher, identificada como Maria Francisca Gonzaga da Silva, de 38 anos, foi encontrada morta nesta sexta-feira (24), nas proximidades da feirinha da Volta Redonda, em Caxias, interior do Maranhão. O caso é investigado pela Polícia Civil como crime de feminicídio.

Leia também em: 

Maranhense é vítima de feminicídio no Rio Grande do Sul

Mais de 20 crimes de feminicídio já foram registrados neste ano Maranhão

De acordo com a Polícia Civil, o corpo da vítima foi encontrado por populares e havia marcas de faca no abdômen. Os militares foram acionados e isolaram a área até a chegada dos peritos do Instituto de Criminalística (Icrim).

Os policiais civis também foram acionados e já começaram a investiga o caso. Ainda segundo a polícia, o principal suspeito desse crime é o ex-companheiro da vítima que foi preso em flagrante e apresentado na Delegacia de Homicídios. O corpo da vítima foi removido para o Instituto Médico Legal (IML) para ser periciado.

Outro caso

Na quinta-feira (23) foi preso em flagrante um homem, que não teve o nome divulgado, suspeito de ter matado a golpes de marreta a própria esposa, na cidade de Governador Newton Bello, no interior do Maranhão.

Os militares encontraram a vítima sem vida na residência do casal, no bairro Birolândia. O corpo foi removido para o hospital, enquanto, o suspeito foi preso e disse que desferiu dois golpes de marreta na cabeça da própria companheira. O crime teria sido motivado por ciúmes.


 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.