Feriado Santo

Arquidiocese de São Luís celebra Corpus Christi

A celebração ocorre na quinta-feira 20 de junho, no aterro do Bacanga, com programação a partir das 14h30.
Na Mira, com informações da assessoria17/06/2019 às 11h14
Arquidiocese de São Luís celebra Corpus ChristiA festa do “Corpo e Sangue de Cristo” é um evento católico tradicional na capital maranhense que mobiliza todas as paróquias. (Foto: divulgação)

SÃO LUÍS - A Arquidiocese de São Luís celebra no dia 20 de junho, no Aterro do Bacanga, a solenidade de Corpus Christi. A festa é uma importante comemoração do calendário católico que data desde o século XIII, quando convocada pelo papa Urbano IV. Na Igreja local será celebrada com o tema “Eucaristia, pão do céu, fonte de justiça e fraternidade”, que está relacionado com a Campanha da Fraternidade deste ano, que aborda as políticas públicas como caminho de justiça social e fraternidade.

Leia também:

Festa do Divino terá missas, shows e distribuição de comidas

Quarta-feira de Cinzas abre Quaresma e anuncia Campanha da Fraternidade​

Segundo o padre Robério Lima, coordenador da Comissão Arquidiocesana para Corpus Christi, “este é um momento da festa da comunhão, onde testemunhamos nossa fé em Jesus Cristo Ressuscitado, numa Igreja que nasce da Eucaristia e dela se nutre para levar em frente sua missão”, declara.

A festa do “Corpo e Sangue de Cristo” é um evento católico tradicional na capital maranhense que mobiliza todas as paróquias, comunidades e organismos da Igreja Católica de São Luís. Há o envolvimento dos bispos, padres, diáconos, seminaristas, religiosos e religiosas, leigos e leigas. Embora seja uma data móvel, é celebrado em todo o mundo. É ocasião para o louvor e a adoração ao Santíssimo Sacramento do Corpo e Sangue de Cristo, a Eucaristia. Para expressar esse louvor, as paróquias e comunidades adornam as igrejas, enfeitam as ruas e confeccionam tapetes por onde passa a procissão de Corpus Christi. Feito de materiais reciclados como pó de café, serragem, cascalho, casca de ovo, sal grosso, entre outros, o tapete é preparado pelos fieis durante a noite e madrugada anterior, ou mesmo no dia da procissão. Para o solenidade no Aterro do Bacanga, tapete está sendo preparado para a saída do Santíssimo Sacramento em procissão.

A celebração é organizada pela Arquidiocese, por meio da Comissão Arquidiocesana para Corpus Christi, que traz programação especial para o dia, a saber: às 14h30 - concentração e chegada dos fiéis, às 15h - terço mariano, às 15h45 - Show Annima Christi, que reúne artistas da terra interpretando canções católicas, e às 17h - santa missa solene presidida pelo arcebispo metropolitano, dom José Belisário da Silva, e concelebrada pelo bispo auxiliar, dom Esmeraldo Barreto, e por bispos convidados, presbíteros e diáconos, representando as 56 paróquias da Arquidiocese.

Procissão – Após a missa será realizada, por volta das 18h30, uma grande procissão luminosa saindo do Aterro do Bacanga, percorrendo a Avenida Beira Mar, para encerrar, este ano, na catedral metropolitana onde o arcebispo dará a a bênção do Santíssimo Sacramento, por volta das 20h. Semelhante a proposta do Aterro, será confeccionado tapete dentro da catedral para a acolhida do Santíssimo Sacramento.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.