Polêmica!

Justin Bieber é detonado na internet após declarar apoio a Chris Brown

Na segunda-feira (21), o rapper americano foi detido na França, após acusações de estupro.
Na Mira23/01/2019 às 22h26
Justin Bieber é detonado na internet após declarar apoio a Chris Brown"Você é o melhor de todos os tempos", escreveu Justin Bieber. (Foto: Divulgação)

Justin Bieber voltou a ser alvo de polêmicas nesta quarta-feira (23), após comentar na foto de Chris Brown, declarando apoio ao rapper que foi detido após acusações de estupro na última segunda-feira (21).

Leia também: Hailey Baldwin atualiza rede social com sobrenome de Justin Bieber

Justin Bieber é acusado de agredir homem em festival

Tudo começou na segunda-feira (21), quando Chris Brown em sua passagem por Paris, na França, foi detido pelos policiais para prestar esclarecimentos sobre após ter sido acusado de estupro por uma modelo francesa. De acordo com o relato da suposta vítima, o caso ocorreu no dia 15 de janeiro, quando o cantor conheceu a modelo e a convidou para passar uma noite em seu hotel. Segundo a francesa, ela foi abusada sexualmente pelo cantor e mais duas pessoas de sua equipe, que também foram detidas pelos policiais.

Segundo Chris Brown, a acusação é falsa e ele jamais cometeu ao crime. "Quero deixar bem claro que isso é falso e um monte de m*rda. Nunca! Isso é muito desrespeitoso à minha filha e família, e vai contra meu caráter e minha moral", disse o cantor.

De acordo com o E!News, Chris Brown e sua a equipe foram liberados pelos policiais logo em seguida e sem acusações no nome do músico, e logo após sair da delegacia, o cantor chegou a postar nas redes sociais anunciando que estava de volta ao trabalho.

Nos comentários da postagem, Justin Bieber, que é fã de Chris Brown, demonstrou apoio ao músico com a seguinte mensagem: "Ninguém pode te tocar, você é o melhor de todos os tempos".

Imediatamente o nome do cantor se tornou um dos mais comentados nas redes sociais, a hashtag #JustinIsOVERParty foi parar nos assuntos mais comentados do Twitter. Diversos fãs e internautas reprimiram à atitude do cantor e levantaram o questionamento: "Se fosse uma mulher, seria igual?", em referência ao recente caso com Lady Gaga e as polêmicas envolvendo Anitta.

Confira os comentários de alguns internautas:







Para quem não se lembra, Lady Gaga removeu a canção "Do What U Want (With My Body)”, música em parceria com o rapper R.Kelly que recentemente recebeu diversas alegações sobre abusos sexuais relatados por diversas mulheres. Após críticas por ter uma parceria com o músico, a cantora veio a público e anunciou a remoção da faixa, além de declarar total apoio às mulheres.

"Eu apoio essas mulheres 1000%, acredito nelas, sei que elas estão sofrendo, e sinto que suas vozes devem ser ouvidas e levadas a sério. O que tenho ouvido das alegações contra R. Kelly é absolutamente horrível e indefensável“, disse Gaga na época.

Já com Anitta, a cantora foi alvo de polêmicas após defender o cantor e amigo Nego do Borel durante o ensaio do "Bloco das Poderosas", no último domingo (27), no Rio de Janeiro. Nego do Borel é alvo de diversas críticas após seu comportamento com a transexual Luisa Marilac nas redes sociais, onde chamou a influencer de "homem", o comentário do funkeiro foi considerado como transfóbico pela comunidade LGBTQ+.

Saiba mais: Após vaias e episódio com Nego do Borel, Anitta diz: "Cansei de avisar"

De acordo com o TMZ, Chris Brown irá processar a modelo francesa, pois segundo ele as alegações são falsas. "Chris Brown está livre. Nenhum processo judicial foi aberto contra ele. Ele combate vigorosamente as acusações contra ele. Um processo por denúncia caluniosa será apresentado amanhã ao promotor público de Paris", disse Raphael Chiche, advogado do rapper.

Além de Justin Bieber, outros artistas como Austin Mahone e Naldo também comentaram na publicação de Chris Brown. Ao que aparenta, a polêmica ainda vai render.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.