Celebridades

Anitta revela que ainda luta contra depressão

A artista falou abertamente sobre o assunto durante programa de TV.
Na Mira23/11/2018 às 22h25
Anitta revela que ainda luta contra depressão"Preciso ter um momentinho para mim", comentou Anitta. (Foto: Divulgação / Rede Globo)

Anitta vive o auge de sua carreira após quebrar diversas barreiras e se tornar uma das principais cantoras latino-americanas no mundo. Como a fama não se trata apenas de flores, a artista revelou nesta sexta-feira (23), que ainda luta contra a depressão e segue firme no tratamento, durante participação no programa "Bem Estar", da Rede Globo.

Leia também: Anitta planeja lançar música em parceria com DJ Khaled

Anitta se enrola em cobras e dá vários beijos em clipes

Fluente em três idiomas, Anitta lança EP "Solo"

Após o problema de saúde vir à tona durante sua série documental para a Netflix, "Vai Anitta", a cantora revelou que percebeu os primeiros sinais no início da carreira, quando tinha apenas 18 anos.

"Sempre que eu ficava muito mal, eu achava que tinha um motivo: 'Ah, é porque o povo tá falando mal, é porque não sei o que deu errado'... Sempre com essa ansiedade. Até que, quando veio o 'Vai, Malandra', que tudo deu muito certo e não tinha nada para reclamar, ainda assim não estava feliz. Foi aí que acendeu a luzinha", comentou a poderosa.

Reconhecer o problema de saúde foi o primeiro passo para que Anitta pudesse seguir no tratamento, a poderosa chegou a comentar que a pressão com a fama e a dificuldade em aceitar o próprio corpo foram os motivos que causaram a depressão.

"O estímulo dessa competitividade faz a gente ficar com muita pressão na nossa cabeça e a gente vai entrando num ciclo vicioso, que vai criando esse nosso buraco e, quando a gente vê, já tá lá. Eu ficava nessa 'nóia'. Foi um dos motivos de ter entrado nessa deprê total, nunca estava feliz com meu corpo. Ficava ótima, barriga chapada, tudo incrível, só que a celulite tava lá. Virava uma coisa muito frustrante ficar lutando contra elas e elas não saiam nunca. Chegou um dia que falei: chega, vou mostrar, tenho celulite, tá tudo bem. Hoje eu dia eu ando com elas e tá tudo bem. Tenho outras coisas que compensam", desabafou a cantora.

Ao relembrar os momentos difíceis, a artista disse que era complicado sair de casa e levantar da cama, que cada dia era uma luta diferente e isso acabou prejudicando no trabalho. "Era bem difícil sair de casa, era bem difícil sair da cama, eu não estava conseguindo atender as pessoas no camarim, atender os fãs", disse a poderosa.

Ainda na luta contra a depressão, Anitta revelou que continua o tratamento através de antidepressivo e ainda comentou que atualmente tira um tempo para descansar e colocar a cabeça no lugar. "Consegui encontrar um remédio que não me dá nenhum efeito e está super funcionando. Tirei um pouco de trabalho, né, cancelei alguns compromissos, para poder ter um tempo para mim, viajar, descansar. Temos que cuidar sempre. Não é porque você está bem agora, que você tem que esquecer de olhar para você. Eu amo trabalhar, trabalhei muito essa semana, fiquei bem cansada. E pensei: 'cara, vou cancelar, porque preciso ter um momentinho para mim", concluiu a artista.

Recentemente, a poderosa lançou o EP "Solo", que conta com três faixas em idiomas diferentes, "Goals" em inglês, "Veneno" em espanhol e "Não Perco Meu Tempo" em português.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2018 - Todos os direitos reservados.