Protesto

Paneleiras bloqueiam Av. Bernardo Sayão nesta manhã (14)

A medida foi contra o pedido de desapropriação de um espaço.
Jefferson Sousa/Imirante Imperatriz14/07/2014 às 10h08

IMPERATRIZ – As vendedoras da famosa “panelada das quatro bocas”, prato típico imperatrizense, interditaram, na manhã de hoje (14), a Avenida Bernardo Sayão, no cruzamento com a rua Rio Grande do Norte. Elas protestam contra uma notificação do dono de um imóvel em construção, que solicitou a saída imediata do local e, falta de um espaço prometido pela prefeitura para vender suas refeições.

Elas bloquearam a Avenida nesta manhã (14). (Foto: Jefferson Sousa/Imirante Imperatriz)

As irmãs Kelismar Tito dos Santos (que vende há dois anos e meio) e Keiliane Tito dos Santos (que vende há quatro anos), têm a mesma pauta de reclamação e concordam que o proprietário do espaço tem o seu direito de solicitar que elas se retirem de lá, mas, em contrapartida, questionam o não posicionamento do poder público municipal em solucionar o problema.

“Nós decidimos bloquear aqui porque não temos um lugar para ir. Só promessa, promessa, promessa. Não tiro a razão do dono, o espaço é dele, mas onde iremos trabalhar? Vou tirar dinheiro de onde para pagar o meu carrinho? Estamos reivindicando um espaço que já foi prometido”, exclama Kelismar dos Santos.

O fluxo ficou confuso no local. (Foto: Jefferson Sousa/Imirante Imperatriz)

O proprietário da construção, José Júnior, relata que desde abril deste ano que as paneleiras foram notificadas sobre a desapropriação do lugar.

“Eu dei um prazo em abril para elas se retirarem do local. Informei à presidente da associação das paneleiras sobre a desapropriação. A prefeitura ia dar um espaço à elas, mas, até agora, não fizeram nada”, conta o proprietário.

Em respostas às queixas, o secretário de Planejamento Urbano Richard Sebba, relata que o Poder Público não tem uma solução em curto prazo e diz que a secretaria está à procura um espaço para instalar o pessoal.

“O problema aqui é de uma associação privada, que quer que o Poder Público dê uma solução para um problema privado. Nós vamos continuar na nossa linha de buscar a solução, mas através de um estudo, de uma técnica. Em curto prazo, nós não temos uma solução”, explica o secretário.

O secretário informou, ainda, que foram feitas de seis a oito reuniões com a associação, de fevereiro até o presente momento, para traçar estratégias para um novo local.

A polícia estava no lugar para controlar o fluxo de carros e impedir qualquer ocasião. (Foto: Albé Ambrogio/Divulgação)

Panelada das Quatro Bocas

A “panelada das Quatro Bocas” é um espaço já conhecido pelo imperatrizense e por quem, ainda, nem conhece a cidade. O prato típico imperatrizense, consagrado nacionalmente, é a panelada. Ao todo, são 42 vendedores e vendedoras de paneladas, num espaço de um aproximadamente 200 metros.

Em agosto de 2013 elas fizeram um protesto contra uma determinação da prefeitura para se retirarem do local.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.