Troféu Mirante Esporte

Vencedores do Troféu Mirante Esporte falam da importância do prêmio em suas carreiras

Esportistas relembraram momentos no "Oscar do Esporte Maranhense".
Gustavo Arruda / Imirante Esporte01/04/2021 às 10h00
Adryelly Santos Pinheiro, Paulo Sérgio, Frederico Castro e Nicolau Leitão falaram sobre a importância do Troféu Mirante Esporte. (Crédito das fotos: Cristiane Ishizava / Lucas Almeida / Divulgação / Luiz Gustavo Leitão)

SÃO LUÍS - Evento mais importante do calendário esportivo do Maranhão, o Troféu Mirante Esporte completa 16 anos de história em 2021. Criado pelo Grupo Mirante com o objetivo de valorizar e reconhecer o potencial dos atletas maranhenses, além de incentivar a participação da comunidade e do poder público no desenvolvimento do esporte no estado, o Troféu Mirante já premiou destaques em 30 modalidades, ajudou promessas a se tornarem realidade, contou grandes histórias e fez muita gente se emocionar com a superação dos esportistas, sempre em busca da vitória em suas modalidades e de uma vida melhor.

Por causa da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), o Troféu Mirante Esporte não terá sua tradicional cerimônia de premiação no Teatro Arthur Azevedo, mas contará com uma programação especial do Grupo Mirante na tarde deste sábado (3). Em homenagem aos atletas maranhenses e a todo o segmento esportivo, serão exibidos um especial na TV Mirante com grandes nomes da história do "Oscar do Esporte Maranhense" e o programa Treino Troféu Mirante, que será transmitido a partir das 14h30, no Imirante.com, com a apresentação do kitesurfista Bruno Lobo, da ex-jogadora de basquete Iziane Castro e do surfista Kadu Paquinha.

Como todo bom treino tem seu aquecimento, o Imirante Esporte convocou um grande time de atletas para falar sobre o Troféu Mirante Esporte. A judoca Adryelly Santos Pinheiro, o jogador de futebol Paulo Sérgio, o enxadrista Nicolau Leitão e o nadador Frederico Castro destacaram a importância do Troféu Mirante em suas vidas e na carreira esportiva, além de lembrar como o prêmio serve de estímulo e incentivo para todos os atletas maranhenses.

"Sensação de dever cumprido"

Vencedora do Troféu Mirante Esporte como melhor atleta do judô em 2013 e com várias indicações ao prêmio, Adryelly Santos Pinheiro acumulou vitórias depois de ser contemplada com o "Oscar do Esporte Maranhense". Depois de ser campeã brasileira, medalhista nos Jogos Universitários Brasileiros (JUB's) e subir ao pódio no Pan-Americano Sub-15, a judoca teve seu talento reconhecido com uma convocação para defender a Seleção Brasileira Sub-21 no Circuito Europeu. Para Adryelly, o Troféu Mirante foi uma motivação para superar os obstáculos e se manter firme na prática do esporte que ama.

Vencedora do Troféu Mirante do judô em 2013, Adryelly Santos acumula medalhas e grandes participações em competições nacionais e internacionais. (Foto: Reprodução / Instagram)

"O Troféu Mirante sempre teve uma representatividade muito grande, não só para mim, mas para todos os atletas maranhenses. Nós, atletas, sabemos de todas as dificuldades que vivemos, e chegar ao final do ano sendo indicado entre os três melhores atletas é muito gratificante. Ganhar o Troféu Mirante, com nosso esforço e dedicação durante todo o ano sendo reconhecido, é uma sensação de dever cumprido. Ter esse incentivo com o Troféu Mirante para nós, atletas, é de grande importância. Quem olha de longe, talvez não sabe 1% de processo, e ter esse reconhecimento dentro do nosso estado nos motiva a continuar, mesmo com toda a dificuldade", destacou a judoca.

Para Paulo Sérgio, zagueiro do Sampaio Corrêa, o Troféu Mirante Esporte serviu para coroar um dos melhores momentos de sua carreira e a vitória sobre o seu pior momento no esporte. Em 2013, ano em que foi vice-campeão da Série C pela Bolívia Querida, com direito a um gol histórico e decisivo contra o Fortaleza na fase de grupos, o defensor foi eleito o melhor atleta do futebol e atleta do ano pelo júri técnico. Seis anos depois, em 2019, com boas atuações no acesso tricolor da Série C para Série B, Paulo Sérgio se tornou o primeiro jogador de futebol com dois prêmios no "Oscar do Esporte Maranhense" e emocionou a plateia no Teatro Arthur Azevedo ao contar sua história de superação, após mais de três anos com dificuldades para voltar aos gramados por causa de graves lesões.

Paulo Sérgio é o único jogador de futebol com dois prêmios de melhor atleta da modalidade no Troféu Mirante. (Foto: Lucas Almeida / L17 Comunicação)

"O Troféu Mirante Esporte é o reconhecimento máximo do nosso trabalho. É uma emoção muito grande quando a gente entra no Teatro Arthur Azevedo, recebe o prêmio e vê aquela plateia aplaudindo. Guardo no meu coração esses momentos inesquecíveis que vivi no Troféu Mirante Esporte, junto com os acessos pelo Sampaio e o gol contra o Fortaleza em 2013", disse Paulo Sérgio, em entrevista à TV Mirante.

Quando o assunto é Troféu Mirante Esporte, poucos esportistas têm tanta propriedade para falar da premiação quanto o enxadrista Nicolau Leitão. Recordista de troféus em sua modalidade, com quatro conquistas em 2006, 2009, 2016 e 2018, Nicolau também já subiu ao palco do Teatro Arthur Azevedo para receber uma premiação como treinador de Giovanna Piovacari, que se tornou a primeira mulher a levar o Troféu Mirante no xadrez em 2019. O atleta e professor destacou o ambiente da premiação, com a troca de experiências entre os atletas das mais diversas modalidades, e disse que está ansioso pelo retorno do "Oscar do Esporte Maranhense".

Nicolau Leitão acumula conquistas no Troféu Mirante como atleta e treinador. (Foto: Reprodução / Instagram)

"Certamente o Troféu Mirante funcionou como um combustível para a gente do xadrez. Quando a gente ganha um torneio importante, já fica na expectativa de ser um candidato, só de participar da solenidade já é um prêmio em si, compartilhar o espaço com tantos atletas de histórias diferentes, assistir às palestras dos convidados e tudo o que está no entorno. Curiosamente, da última vez que ganhei, falei que queria muito um aluno ou aluna no palco no ano seguinte, e aconteceu com a Giovanna, que foi bronze no Sul-Americano escolar, uma conquista histórica. Meu papel como treinador foi principalmente fazê-la acreditar. Nem sei dizer qual conquista celebro mais, como atleta ou treinador. Espero que as coisas melhorem ano que vem, para a gente poder confraternizar novamente com os amantes do esporte", disse o enxadrista.

Tricampeão como melhor atleta da natação no Troféu Mirante Esporte em 2006, 2007 e 2013, Frederico Castro se consolidou como um dos principais nomes do esporte maranhense depois da premiação, acumulando medalhas em competições nacionais, sul-americanas e na Copa do Mundo de Natação, onde conquistou um ouro histórico nos 200m borboleta em Berlim, na Alemanha, em 2010. Em meio à preparação para a Olimpíada de Tóquio, com provas classificatórias sendo realizadas em abril, o nadador lembrou da importância do Troféu Mirante Esporte na descoberta de novos talentos.

Frederico Castro destacou a capacidade do Troféu Mirante em revelar potenciais estrelas do esporte maranhense. (Foto: Reprodução / Instagram)

"O Troféu Mirante foi essencial na minha carreira na natação, me motivou muito a acordar de madrugada, treinar debaixo de chuva, de abdicar de estar com minha família e amigos para conseguir focar nos treinos, porque sempre queria ser contemplado com o prêmio no final do ano. É um momento único, de muito valor, é uma reunião dos atletas, da família, dos treinadores, diretores, é o momento em que a gente pode expor para a sociedade os nossos anseios e objetivos. O Troféu Mirante também facilita que a gente consiga cada vez mais patrocínios e apoiadores. O Maranhão tem tantos bons atletas, que foram valorizados pelo Troféu Mirante e atingiram resultados cada vez mais expressivos, e a base vem se espelhando nesses atletas que foram premiados. O esporte maranhense é uma mina de ouro, basta saber garimpar, e o Troféu Mirante é fundamental para esses atletas. Espero que a premiação perdure por muitos anos, faz muita diferença", elogiou Frederico Castro.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.