Copa FMF

Maranhão Atlético vence o Pinheiro e abre vantagem na final da Copa FMF

Quadricolor está a um empate do título do seletivo; PAC precisa de uma vitória em casa.
Gustavo Arruda / Imirante Esporte09/12/2018 às 19h02
Maranhão Atlético vence o Pinheiro e abre vantagem na final da Copa FMFMaranhão e Pinheiro se enfrentaram no Castelão, em São Luís. (De Jesus / O ESTADO)

SÃO LUÍS – Atuando ao lado de seu torcedor, no Estádio Castelão, o Maranhão Atlético deu um passo importante para voltar a disputar uma competição nacional em 2019. No primeiro jogo da final da Copa FMF, disputado na tarde deste domingo (9), o Quadricolor derrotou o Pinheiro por 1 a 0 e se aproximou da conquista do seletivo, que premia o campeão com uma vaga na próxima edição do Campeonato Brasileiro Série D. O atacante Cléber Pereira, aos 29 minutos do segundo tempo, marcou o gol da vitória do MAC.

Com o triunfo em casa, o Maranhão Atlético está a um empate da conquista da Copa FMF, enquanto o Pinheiro precisa de uma vitória simples para ficar com a taça, já que tem a vantagem do empate no placar agregado da decisão por ter melhor campanha na primeira fase do seletivo. A partida decisiva entre Pinheiro e Maranhão Atlético será disputada na noite desta quarta-feira (12), às 19h30, no Estádio Costa Rodrigues.

Além do título da Copa FMF, Pinheiro e Maranhão Atlético disputam a segunda vaga do futebol maranhense na Série D de 2019. Campeão estadual no primeiro semestre, o Moto Club está garantido na Quarta Divisão, enquanto Sampaio Corrêa e Imperatriz disputarão a Série C. Por enquanto, o PAC e o Quadricolor têm apenas o Campeonato Maranhense no calendário da próxima temporada.

O jogo

Diante de 688 pagantes no Castelão, Maranhão Atlético e Pinheiro fizeram um primeiro tempo agitado e equilibrado. Precisando da vitória para inverter a vantagem dos visitantes, o MAC foi ao ataque e criou algumas chances: artilheiro quadricolor, Cléber Pereira deu trabalho aos marcadores do PAC, mas passou em branco no primeiro tempo. Apesar da pressão do Maranhão, a equipe do Pinheiro não se restringiu ao setor defensivo e levou perigo em algumas finalizações, porém, sem balançar as redes.

Na etapa final, o Maranhão Atlético permaneceu no campo de ataque e acertou uma bola na trave. A insistência do Quadricolor só foi premiada aos 29 minutos, após Cléber Pereira aproveitar rebote do goleiro Jaílson e abrir o placar para os donos da casa. Nos minutos finais de jogo, foram registradas duas expulsões: Lentine, pelo Pinheiro, e João Victor, pelo Maranhão.

FICHA TÉCNICA

MARANHÃO ATLÉTICO: Rodrigo Ramos; Matheus Rubens, Maicon, Wanderson e André Radija (Samuel Saldanha); Abu, Tibiri, João Victor e Léo (Wanderson Diniz); Deylon e Cléber Pereira (Rodrigo). Treinador: Raimundinho Lopes

PINHEIRO: Jailson; Vivico, Paulinho, Rilbert e Maycon; Heider, Tayson, Trinca (Lentine) e Neto; Júnior e Noleto (Mateus). Treinador: Luís Miguel

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.