Latrocínio

Mulher morre após se negar a entregar celular a assaltantes no bairro Santa Cruz, em São Luís

Simone da Costa Wanderley foi morta com dois tiros dentro de um salão de beleza.
Imirante.com, com informações da Mirante AM28/12/2019 às 09h33
Mulher morre após se negar a entregar celular a assaltantes no bairro Santa Cruz, em São LuísOs bandidos dispararam dois tiros na cabeça de Simone da Costa, que morreu no local, sentada em uma cadeira. (Foto: Reprodução)

SÃO LUÍS – Uma mulher, identificada como Simone da Costa Wanderley, de 32 anos, foi vítima de latrocínio no bairro Santa Cruz, em São Luís, no fim da tarde dessa sexta-feira (27).

Segundo a polícia, Simone da Costa estava em um salão de beleza na rua 17 de Agosto, quando o local foi invadido por assaltantes. Os criminosos mandaram a cliente do salão entregar o celular, mas ela se negou. Por causa da recusa, os bandidos dispararam dois tiros na cabeça de Simone da Costa, que morreu no local, sentada em uma cadeira.

Ainda de acordo com a polícia, os criminosos haviam acabado de assaltar uma jovem no bairro Radional, quando seguiram para o salão, onde praticaram o latrocínio. A polícia ainda não tem a identificação dos autores do crime.

Esse foi o segundo crime de latrocínio registrado só nessa sexta, em São Luís. O outro caso foi do vigilante Flávio Fernando Santos Arouche, que morreu após reagir a um assalto no bairro do João Paulo. Ambos os casos estão sendo investigados pela Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP).

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.