Prejuízos

Muro de prédio público desaba no bairro do João Paulo após forte chuva em São Luís

O edifício fica localizado ao lado da Hemomar e causa transtornos aos motoristas que transitam pela região.
Priscille Damous / Imirante.com24/03/2019 às 14h10
Não houve feridos, apenas danos materiais. (Foto: Biné Moraes / O Estado)

SÃO LUÍS - Após forte chuva registrada na madrugada deste domingo (24), em São Luís, o muro de um prédio público situado na Rua Cinco de Janeiro, ao lado da Centro de Hematologia do Maranhão (Hemomar), no bairro do João Paulo, veio abaixo, causando transtornos aos moradores e motoristas que transitam pelo local.

Os tijolos continuam alastrados pela rua, causando transtornos a motoristas que passam pelo local. (Foto: Biné Moraes / O Estado)

Leia também: Chuva forte neste domingo deixa a Ilha de São Luís em situação caótica

Muro de condomínio cai durante chuva: "fez um grande barulho, e o muro todo veio abaixo”

Condomínio fica inundado, e carros quase desaparecem debaixo d'água

Segundo informações de populares da região, parte do muro continua sem reboco e a tendência é que caso continue o forte temporal na Ilha, venha abaixo a outra parte da construção.

Não houve feridos, apenas danos materiais. Até o momento em que esta matéria foi escrita, na tarde deste domingo (24), os tijolos ainda não foram removidos do local e continuam alastrados pelo chão, causando transtornos aos moradores e motoristas que passam pela região.

Associação Antônio Brunno

As fortes chuvas também atingiram a nova sede da Associação Antônio Brunno, lar de acolhimento às pessoas com câncer, no bairro Planalto Anil, atrás do INSS da Cohab.

"O muro caiu, consultório odontológico, brinquedoteca, quartos... Materiais perdidos e um pouco do nosso coração também. Estamos abalados emocionalmente, mas com a confiança de que levantaremos e nos reergueremos", escreveu o perfil oficial da organização nas redes sociais.

Após forte chuva, muro da nova sede da Associação Antônio Brunno, também veio abaixo. (Foto: Divulgação)

Desabamento também atinge colégio na Vila Palmeira

No bairro da Vila Palmeira, internautas também registraram as consequências do forte temporal que atingiu a capital maranhense na madrugada deste domingo (24). O muro de um colégio militar da região desabou e atingiu dois carros que estavam estacionados no local.

Foto enviada por um internauta ao Imirante.com. (Foto: Divulgação)

Bombeiros e Defesa Civil

O Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA) informa que devido as fortes chuvas que caem na cidade nas últimas 24h, várias equipes operacionais extras estão sendo acionadas para atender as diversas ocorrências registradas nas ultimas horas. Conforme a politica Nacional de Defesa Civil, a Coordenadoria municipal de Proteção e Defesa Civil atende diretamente à comunidade residente nas áreas de riscos catalogadas previamente, realizando a retiradas de vítimas, promovendo o encaminhamento para abrigos entre outras ações de prevenção e intervenção.

A Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil (CEPDECMA), em articulação com as coordenadorias municipais, está atuando no atendimento aos eventos adversos, apoiando os municípios em todo o estado.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.