Documento falso

Idoso de 87 anos suspeito de estelionato é preso em agência bancária de São José de Ribamar

Prisão foi realizada dentro da agência do Banco do Nordeste, quando o idoso tentava sacar benefícios do INSS com documento falso.
Imirante.com, com informações da Polícia Civil do Maranhão23/11/2021 às 08h41
Idoso de 87 anos suspeito de estelionato é preso em agência bancária de São José de RibamarAgência do Banco do Nordeste em São José de Ribamar. (Foto: Reprodução / Google Maps)

SÃO JOSÉ DE RIBAMAR – A Polícia Civil do Maranhão (PC-MA) prendeu em flagrante, na tarde dessa segunda-feira (22), um idoso de 87 anos suspeito de usar documento falso na tentativa de sacar, fraudulentamente, benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A prisão foi realizada, com apoio da Guarda Municipal, na agência do Banco do Nordeste, em São José de Ribamar, na Região Metropolitana de São Luís.

De acordo com a Polícia Civil, o suspeito, com uma cédula de identidade falsa, tentava sacar benefícios de um outro idoso de 81 anos quando funcionários do próprio banco suspeitaram da autenticidade do documento. A polícia foi acionada e conseguiu prender em flagrante o idoso.

Ainda segundo a polícia, o idoso foi levado a sede da delegacia para prestar mais esclarecimentos, onde permanece preso à disposição do poder judiciário.

Segundo ao delegado regional de São José de Ribamar, Jáder Alves, sempre há um grupo criminosos envolvido nas ações de estelionato. "Sempre tem uma quadrilha por trás desses idosos. Eles já começam selecionando os idosos pra ficar acima de qualquer suspeita", explica o delegado.

Outro caso

Este não é o primeiro caso em que um idoso é preso em agências bancárias de São José de Ribamar tentando sacar benefícios do INSS com documentos falsos. Em outubro deste ano, a Polícia Civil prendeu um idoso de 81 anos e uma mulher, de 44, suspeitos de usarem documentos falsos para a prática de crimes de estelionato.

De acordo com o delegado Jáder Alves, assim que há a suspeita, a Polícia Civil vai até o local e prende os suspeitos. “Tão logo chega ao nosso conhecimento, da Polícia Civil e dos 3GM's, vamos ao banco e prendemos os envolvidos”, disse.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.