Crime de feminicídio

Homem é condenado a 21 anos de prisão por matar mulher asfixiada

No dia 3 de outubro de 2016, Francisco de Assis tirou a vida da própria mulher por meio de asfixia, fazendo uso de um travesseiro.
Divulgação/CGJ-MA13/07/2018 às 14h55
Homem é condenado a 21 anos de prisão por matar mulher asfixiadaFrancisco de Assis foi considerado culpado pelo Conselho de Sentença e recebeu a pena de 21 anos, 10 meses e 15 dias de reclusão. (Foto: Divulgação)

SANTA QUITÉRIA - O juiz Cristiano César da Silva, titular de Santa Quitéria, presidiu nessa quinta-feira (12), uma sessão do Tribunal do Juri na unidade judicial. A sessão levou a julgamento o acusado Francisco de Assis Oliveira Costa, que estava sendo acusado da prática de crime de homicídio contra a companheira. Francisco de Assis foi considerado culpado pelo Conselho de Sentença e recebeu a pena de 21 anos, 10 meses e 15 dias de reclusão.

Leia também:

Preso por agressões contra a ex-namorada, homem afirma que quando for solto matará a vítima

Homem mata ex-namorada e se enforca em seguida, na zona rural de SL

Mulher é assassinada com sete golpes de faca em Codó

Consta no inquérito que a vítima era esposa de Francisco de Assis. A denúncia relata que, na data de 3 de outubro de 2016, o denunciado tirou a vida da própria mulher por meio de asfixia. Para atingir seu objetivo, ele utilizou-se de um travesseiro. Francisco de Assis vai cumprir a pena em regime inicialmente fechado. Atualmente, ele encontra-se preso na Unidade Prisional de Coroatá.

Atuou na acusação o promotor de Justiça Luiz Eduardo Braga Lacerda, e na defesa do réu o Defensor Público, advogado Makson Bastos de Oliveira. A Comarca de Santa Quitéria é de Vara Única, pertence ao Polo de Chapadinha, e tem como termo judiciário a cidade de Milagres do Maranhão.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2018 - Todos os direitos reservados.