Geral | Pandemia

9.492 vidas já perdidas para a covid desde o início da pandemia

Mais 27 mortes são confirmadas pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), em boletim epidemiológico divulgado na noite desta quarta-feira, 21
21/07/2021 às 20h10
9.492 vidas já perdidas para a covid desde o início da pandemiaBoletim informa ainda que mais 427 foram infectadas pelo novo coronavírus no estado (Divulgação)

São Luís – O Maranhão chegou a 9.492 vidas perdidas para a Covid-19, desde o início da pandemia, com mais 27 mortes confirmadas pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), em boletim epidemiológico divulgado na noite desta quarta-feira, 21.

Os novos óbitos ocorreram nas cidades de Itapecuru-Mirim (1), Paulino Neves (1), Palmeirândia (1), Santa Inês (1), São José de Ribamar (1), Balsas (1), Dom Pedro (2), Pio XII (1), São Bento (1), Anajatuba (1), Santa Luzia (1), Santa Rita (1), Açailândia (2), Tutóia (2), Paço do Lumiar (2) e São Luís (9).

O boletim informa ainda que mais 427 foram infectadas pelo novo coronavírus no estado. Foram 51 na Grande Ilha, oito em Imperatriz e 368 nos demais municípios maranhenses.

Os dados do boletim trazem 34.523 pessoas estão com o coronavírus ativo no organismo, das quais 33.619 estão em isolamento domiciliar. Outras 1.084 estão sob suspeita da covid, aguardando resultado de testes.

Por outro lado, 904 pessoas estão internados em hospitais das redes púbicas e privadas no Maranhão, sendo que 535 estão em leitos de enfermaria e 369 em leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs).

Com relação à Grande Ilha, dos 259 leitos disponibilizados exclusivamente para atendimento de pacientes com covid, 188 estão ocupados, resultando em 71 livres, o que corresponde a uma taxa de ocupação de 72,59%. No caso dos leitos clínicos, a taxa é bem menor: 60,64%.

Os dados mostram ainda que 785.991 pessoas já foram testadas no estado, sendo que 551.123 casos foram descartados para a doença. Desde o início da pandemia, 287.849 pessoas já se recuperaram da doença.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte