Geral | Ensino aeroespacial

Núcleo tecnológico da base de Alcântara terá gestão da UFMA

O prédio do Centro Espacial servirá como ponto de apoio para atividades de ensino, pesquisa e extensão realizadas no município pelo NICTA e vários outros projetos da universidade e conta até com sala de aula
28/05/2021
Núcleo tecnológico da base de Alcântara terá gestão da UFMAReitor Natalino Salgado e demais autoridades inauguram o NICTA (Divulgação)

Com a presença do reitor Natalino Salgado; do ministro de Ciência, Inovação e Tecnologia (MCTIC), Marcos Pontes; do ministro da Educação (MEC), Milton Ribeiro; do prefeito de Alcântara, padre William Guimarães; e do deputado federal Aluisio Mendes, foi inaugurada, na última quarta-feira, Na ocasião, também foi fundado o Núcleo Interdisciplinar Científico e Tecnológico de Alcântara (NICTA), da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), que reúne diversos grupos e laboratório de pesquisa para desenvolver soluções tecnológicas, sociais, econômicas e ambientais voltadas a segmentos estratégicos da cidade de Alcântara e do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA).

O prédio da base servirá como ponto de apoio às atividades de ensino, pesquisa e extensão realizadas no município pelo NICTA e por vários outros projetos da UFMA, e conta com sala de aula com 20 lugares, ambiente para ensino a distância com cinco computadores, copa, dois dormitórios, banheiro com acessibilidade e duas salas que servirão futuramente como oficinas para produção de produtos naturais e para capacitações.

Coordenação

O NICTA é coordenado pela professora de Engenharia de Aeroespacial Mikele Cândida Sousa de Sant’Anna, que reforçou que o Núcleo, além de seu viés voltado para a ciência e tecnologia, tem em sua concepção fortalecer vínculo com as comunidades de Alcântara e seus saberes tradicionais.

Graduação

O Núcleo Interdisciplinar Científico e Tecnológico de Alcântara no eixo do ensino pretende consolidar ainda mais o curso de Bacharelado em Engenharia Aeroespacial – com vias também de auxiliar o fortalecimento do respectivo programa de pós-graduação da área na UFMA - e solicitar a criação do polo local da Universidade Aberta do Brasil. Em pesquisa, O NICTA tenciona atender áreas estratégicas como sistemas espaciais, robótica, internet das coisas, inteligência artificial, turismo, entre outros campos do saber, além de auxiliar nas demandas do Programa de Desenvolvimento Integrado do Centro Espacial de Alcântara. Em extensão, o destaque fica para o atendimento com ações voltadas para comunidades tradicionais negras remanescentes de quilombos, com criação de oportunidades de geração de emprego e renda.

O reitor Natalino Salgado destacou a relevância do Núcleo para apoiar os estudos do curso de Engenharia Aeroespacial e de diversas áreas de graduação da UFMA que já possuem ou pretendem implantar projetos no território alcantarense. “Eu prenuncio que este esforço coletivo, capitaneado pelo NICTA, que agrega o Ministério da Educação e outros ministérios, vai nos permitir, com o conhecimento e com os projetos, melhorar as condições na área de turismo, da cultura, resgatar a história de Alcântara, ao mesmo tempo com uma cadeia produtiva de conhecimento para gerar riqueza à população. Esta é a lição da Universidade: tem seus cientistas, mas é uma das mais antenadas e que tem uma boa forma de lidar com a sociedade e saber suas demandas”, proferiu.

O ministro da Educação expressou a expectativa do NICTA e seus projetos para o desenvolvimento do ensino científico tecnológico para o Maranhão e para o Brasil, agradecendo o apoio do reitor Natalino e dos docentes envolvidos e declarando esperar ver a educação na melhoria da sociedade alcantarense. O Ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) enfatizou a participação da ciência e da educação para a melhoria da região. “Trabalho com ciência com tecnologia, em transformar ideias em novos produtos, inovações, novos serviços, e isso só pode ser feito com um caminho, que é o da educação. Eu vejo essa união em torno da educação, tenho certeza que aqui se realizarão sonhos de muitos jovens, que estarão desenvolvendo projetos, serão novos cientistas, novos empresários para trabalhar pelo progresso desta cidade e do Brasil como um todo”, pontuou Marcos Pontes.

O prefeito de Alcântara reverenciou a inauguração do NICTA e os projetos que beneficiarão a população alcantarense por meio das ações de ensino, pesquisa e extensão. O deputado Aluisio Mendes congratulou o esforço dos envolvidos na implantação do Núcleo e na difusão e expansão da educação na região de Alcântara. Ele declarou ter certeza de que o município, em breve, será um exemplo para o Brasil e para o mundo por meio das ações voltadas para a ciência, tecnologia e educação.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte