Incentivo

Governo anuncia programa "Trabalho Jovem"

O projeto é uma forma de incentivar a contratação de jovens em empresas maranhenses durante esse momento de pandemia

- Atualizada em 11/10/2022 às 12h17
Contratação deve ser feita por empresas privadas
Contratação deve ser feita por empresas privadas (Flávio Dino)

São Luís – O governador do Maranhão, Flávio Dino, anunciou nesta segunda-feira (08), em coletiva de imprensa, o programa “Trabalho Jovem”, que tem intuito de gerar empregos e reduzir o impacto da crise econômica causada pelo coronavírus no Maranhão.

A ideia do projeto é incentivar que empresas privadas maranhenses contratem jovens e estagiários para que esses possam ter seus primeiros empregos. Além das vagas de emprego, o programa também vai disponibilizar cursos profissionalizantes para estudantes de escola pública.

O que o programa oferece:

  • Cada empresa que contratar um jovem no seu primeiro emprego, vai receber R$ 1 mil por contratado. Estão sendo oferecidas 1000 vagas;
  • Cada empresa que contratar um estagiário, vai receber R$ 600 por contratado. Estão sendo oferecidas 1500 vagas;
  • 30.900 vagas para cursos profissionalizantes estão sendo disponibilizadas para jovens que estudaram em escolas públicas;
  • 100 vagas estão disponíveis para residências em Ciências Agrárias;
  • Assessoria com pelo menos 50% de colaboradores entre 18 e 25 anos.
Além disso, o governador também anunciou que está sendo discutido um projeto de lei, com 2 mil vagas, chamado “Agente Jovem Ambiental”. Dino enfatizou que as contratações são de responsabilidade das empresas.

As inscrições estão disponíveis no site trabalhojovem.ma.gov.br

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.