Política | Operação Faroeste

MPF denuncia desembargadora do TJ-BA e advogados por corrupção

MPF pede ao STJ que determine a perda da função pública dos denunciados e o perdimento do produto e proveito dos crimes, no valor mínimo de R$ 300 mil - correspondente à soma da lavagem no esquema apurado
Agência Estado01/01/2021

O Ministério Público Federal (MPF) denunciou ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) mais um grupo de investigados da Operação Faroeste, que mira um esquema de venda de sentenças no Tribunal de Justiça da Bahia. A desembargadora Ilona Reis e os advogados Marcelo Junqueira Ayres Filho, Fabrício Bôer da Veiga e Júlio César Cavalcanti Ferreira são acusados dos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e de pertinência em organização criminosa.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

Assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte