Geral | Repercussão

Mulher que atacou verbalmente fiscal da Vigilância Sanitária é demitida

O vídeo repercutiu no Fantástico na noite de ontem (5) e a engenheira química foi demitida da empresa de transmissão de energia Taesa
Com informações da Globo06/07/2020 às 13h52

Rio de Janeiro - Após bastante repercussão nas redes, A mulher que foi gravada atacando verbalmente o superintendente de educação e projetos da Vigilância Sanitária do Rio, Flávio Graça, foi demitida. Ela é engenheira química, com especialização em administração de empresas, e tem 39 anos.

Em nota, a empresa de transmissão de energia Taesa, onde ela trabalhava, confirmou a decisão e afirmou que "compartilha a indignação da sociedade em relação a este lamentável episódio, sobretudo em um momento no qual o número de casos da doença segue em alta no Brasil e no mundo".

Nota da empresa

O episódio que gerou bastante repercussão, principalmente nas redes sociais, foi exibido neste domingo no programa "Fantástico", da TV Globo. Durante uma fiscalização em um bar por volta de 21h de sábado, dia 4, um casal foi filmado atacando Graça, que é médico-veterinário e conduzia a operação. Ambos excluíram perfis que mantinha em redes sociais.

O espaço onde o casal estava foi multado, e o dono teve que fechar o bar.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte