Geral | Atividade

Projeto Crescer sem Violência faz mobilização digital pelo combate à violência sexual

Para marcar o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, 18 de maio, campanha #EmCasaSemViolência terá ações digitais
15/05/2020 às 15h42
Projeto Crescer sem Violência faz mobilização digital pelo combate à violência sexual Serão promovidas atividades digitais e mobilização nas redes sociais, com dicas para proteger as crianças dentro de casa e os caminhos para denunciar abusos (Divulgação)

Rio - No Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, 18 de maio, o projeto Crescer sem Violência - parceria entre Fundação Roberto Marinho - por meio do Canal Futura, Childhood Brasil e UNICEF Brasil, com apoio do Google, Facebook e Instagram, promovem uma mobilização de prevenção e conscientização sobre os riscos que crianças e adolescentes correm no ambiente ​doméstico e na Internet. Embora o isolamento social seja importante para conter a disseminação da Covid-19, a campanha destaca que os riscos se agravam com a atual situação, que tem levado ao confinamento de crianças e adolescentes, ao fechamento das escolas e a uma maior atividade online. A cada 15 minutos, uma criança ou adolescente sofre violência sexual no Brasil e 77% dos agressores são do grupo familiar ou conhecido da vítima, segundo dados da Safernet.

Com a hashtag #EmCasaSemViolência, serão promovidas atividades digitais e mobilização nas redes sociais, com dicas para proteger as crianças dentro de casa e os caminhos para denunciar abusos. Também vão ser publicados, no site do Futura, novos minicursos sobre o enfrentamento a diferentes tipos de violências contra crianças e adolescentes, em parceria com o UNICEF. A data marca ainda o lançamento da parceria para a nova temporada da série “Que Corpo É esse? – Prevenção Online”, com o tema do enfrentamento aos riscos de violência online contra crianças e jovens, a ser exibida no ano que vem no Canal Futura. A estreia está prevista para o Dia da Internet Segura, em fevereiro de 2021.

A campanha vai contar também com uma semana de programação especial no Futura, com edições inéditas dos jornalísticos Conexão (dia 18) e Debate (dia 19); o lançamento nacional do documentário "Um crime entre nós", produzido pelo Instituto Liberta e Maria Farinha Filmes (dia 22); e a exibição de episódios da série de animação “Crescer sem Violência/ Que Corpo é Esse?”. Na série, as situações vividas pelos personagens ajudam crianças, adolescentes, famílias ou educadores a refletir, de forma lúdica, sobre a importância da autoproteção, do diálogo aberto, do conhecimento do próprio corpo e do respeito.

SAIBA MAIS

Sobre o projeto Crescer sem Violência

Parceria da Childhood Brasil, UNICEF Brasil e Canal Futura, o projeto Crescer Sem Violência tem como objetivo disseminar informações de qualidade e metodologias para enfrentamento deste tema de modo informativo, atraente e sem expor crianças e adolescentes.

Em diferentes partes do país, o Crescer Sem Violência conta com ações presenciais de capacitação de educadores e profissionais da rede de proteção à criança e ao adolescente e distribuição de material pedagógico formando uma grande rede de mobilização. O projeto conta ainda com três séries audiovisuais: “Que Exploração É Essa?”, “Que Abuso É Esse?”, “Que Corpo É Esse?”.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte