O Mundo | Diamond Princess

RNA de Covid-19 sobreviveu em navio por 17 dias

Descoberta foi divulgada em estudo do Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA
25/03/2020

Washington - O RNA do coronavírus sobreviveu por 17 dias em superfícies de cabines de pessoas infectadas no navio Diamond Princess, que ficou em quarentena em um porto no Japão desde 4 de fevereiro, quando um passageiro foi diagnosticado com Covid-19. A descoberta do estudo do Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos, publicado na segunda, 23, mostra que o coronavírus é capaz de sobreviver em superfícies por muito mais tempo do que a estimativa de pesquisas anteriores, que indicavam sobrevivência de cerca de três dias.

Estamos vivendo uma situação onde o senso de coletividade, a prevenção e conscientização são fundamentais. Em momentos como esse, a informação não tem preço. Por esse motivo o jornal O Estado está liberando o acesso gratuito a todo o seu conteúdo. Fique em casa e bem informado. Leia O Estado.

Já tenho cadastro

entrar

Ainda não tenho cadastro

Cadastre-se

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte