Polícia | Ato de barbárie

Mais uma ocorrência de feminicídio e de tentativas no interior do Maranhão

Uma mulher foi assassinada a facadas, em Godofredo Viana e outras três sofrerem tentativas, sendo duas em Vargem Grande e outra, em Balsas
Ismael Araújo / O Estado 12/11/2019
Mais uma ocorrência de feminicídio e de tentativas  no interior do MaranhãoLuara Macedo foi vítima de tentativa de feminicídio em Balsas (Divulgação)

Um caso de feminicídio e três ocorrências de tentativas ocorreram no interior do estado somente neste último domingo. Segundo a polícia, Joneide Oliveira e Oliveira, de 23 anos, foi assassinada a golpes de faca pelo namorado, nome não revelado, na cidade de Godofredo Viana. Até a noite de ontem não havia registro de prisão do acusado. No decorrer deste ano, 47 casos desse tipo de crime já ocorreram no Maranhão. Entre os registros, nove apenas na Ilha e um montante de 32 prisões.

A polícia informou que Joneide Oliveira foi golpeada em plena via pública e levada para o hospital do município, mas chegou sem vida. O motivo da barbárie não foi revelado e a vítima deixou dois filhos, que são menores de idade. Os militares realizaram rondas na localidade, mas não conseguiram localizar o suspeito.

O corpo da vítima foi removido ao hospital da cidade para ser autopsiado e, logo após, liberado para os familiares. Os populares ficaram apavorados e o sepultamento ocorreu ontem no cemitério de Godofredo Viana. A Polícia Civil vai investigar o caso como feminicídio.

Golpeada

Luara Macedo até ontem estava internada no Hospital Municipal de Balsas apresentando quadro de saúde estável. De acordo com a polícia, ela foi esfaqueada 12 vezes pelo namorado, Carlos Langne, no último domingo, nessa cidade.

A vítima levou sete facadas no tórax e cinco na cabeça, mas foram superficiais. Ainda segundo a polícia, esse ato bárbaro ocorreu durante uma discussão do casal, no bairro Açucena e o acusado tomou rumo ignorado. A vítima mesmo ferida conseguiu pedir socorro e levada para o hospital.

Os militares foram acionados e realizaram incursões na localidade, mas não conseguiram efetuar a prisão do suspeito. Há informações de que o casal vivia brigando e Carlos Lungne tinha ciúme em demasia. O caso está sendo investigado como tentativa de feminicídio pela equipe da Delegacia de Polícia Civil de Balsas.

Dupla tentativa
Na cidade de Vargem Grande ocorreram dois casos de tentativa de feminicídio. A polícia informou que no povoado Moisinho, Antônio Portela da Silva, de 61 anos, tentou matar a golpes de faca a ex-companheira, nome não revelado.

Enquanto, no Residencial Canaã, Roberval Marques, de 37 anos, tentou assassinar também a golpes de faca a sua ex-mulher e ainda pretendia atear fogo na residência dela. Os dois acusados, até a noite de ontem, não tinham sido capturados pela polícia.

Outras ocorrências

Foi preso em flagrante José Antônio Fernandes Pereira durante a noite de domingo, em Caxias. A polícia informou que ele é acusado de ter desferido um golpe de faca no pescoço de José Francisco Almeida Sampaio, de 48 anos, que veio a falecer.

Eles residiam no bairro Salobro, em Caxias. Segundo a polícia, o detido sentia ciúmes da sua companheira com a vítima. A esposa do acusado chegou a ser ouvida na delegacia e declarou que não tinha relacionamento extraconjugal. Ontem, José Antônio foi encaminhado para a Unidade Prisional de Caxias onde vai ficar à disposição do Poder Judiciário.

A equipe da Superintendência de Homicídio e Proteção a Pessoas (SHPP) está investigando a morte de um homem, identificado apenas como Nilson Fernandes. O corpo dele foi achado na manhã de ontem em plena rua Nova Betel, no Jardim São Cristóvão, e removido para o Instituto Médico Legal (IML), no Bacanga, para ser autopsiado.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte