O Mundo | Disputa de poder

Na Bolívia, Morales comemora vitória na eleição presidencial

Com mais de 99% das urnas apuradas, presidente tem 10,38 pontos percentuais à frente do segundo colocado; ele diz que iria ao segundo turno, mas que ''defenderá o resultado'' em caso de vitória agora
25/10/2019

LA PAZ — Com uma diferença de 10,38 pontos percentuais sobre o segundo colocado, o que lhe garantiria uma vitória no primeiro turno, o presidente boliviano, Evo Morales , subiu o tom nesta quinta-feira e chamou o opositor, o ex-presidente Carlos Mesa (2003-2005), de criminoso. Em uma entrevista coletiva na qual comemorou a vitória, com mais de 98% dos votos oficiais computados, Morales afirmou que comunidade internacional deve respeitar a soberania boliviana.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte