COLUNA

Alerta ligado

- Atualizada em 11/10/2022 às 12h25

O ranking dos políticos do Brasil acabou intensificando o alerta dos pretendes à Prefeitura de São Luís. Pela pesquisa do site, o deputado Eduardo Braide (PMN) vem se destacando entre os 20 mais influentes entre os 513 deputados federais na Câmara dos Deputados.
Possível candidato à Prefeitura de São Luís, Braide comemora os dados já que, em tese, tem mais de 400 nomes na Câmara dos Deputados, ele aparecesse entre os 20 primeiros entre todos os parlamentares de Brasil.
Com os dados favoráveis ao potencial candidato à Prefeitura de São Luís, a estratégia dos aliados do Palácio dos Leões deverá ser intensificada. Nos bastidores, é certo que a base aliada do governador Flávio Dino (PCdoB) venha com, pelo menos, cinco nomes para disputar o pleito de 2020.
E assim para tentar evitar que Eduardo Braide consiga vitória em 1º turno. Os comunistas tentam evitar confrontos diretos e lançarão o maior número de candidatos em 2020. Para isto são incentivados a entrar na disputa governistas como Neto Evangelista (DEM) e Rubens Júnior (PCdoB). Tem ainda o deputado federal Bira do Pindaré (PSB).
Saindo do rol dos governistas, Braide poderá ainda ter como adversários o candidato da oposição a Dino - hoje é Adriano Sarney (PV) - e um candidato do PSL.
O fato é que Eduardo Braide terá muita articulação a ser feita que possa garantir a si uma aliança que o leve ao comando da Prefeitura de São Luís.

Comparação
Se comparado a nomes que buscam destaque no Maranhão, Eduardo Braide deve ganhar do mais “comentarista” entre os membros da bancada do estado.
Márcio Jerry (PCdoB) aparece no ranking dos políticos com somente 9 pontos já que contabiliza uma nota negativa em relação a presença nas sessões da Casa.
Depois de Braide, somente Vieira consegue aparecer na lista extensa divulgada sobre a influência dos políticos no Brasil. Gastão Vieira na posição 112º.

Estratégia
Eduardo Braide pode ter o apoio do PSL no Maranhão, mas sem a necessidade de ter o desgaste nacional de votar a favor de qualquer projeto de Bolsonaro em relação a área social.
Ele quer a força nacional que hoje o partido tem, mas conversa para que os benefícios da legenda não o atrapalhem na sucessão municipal do próximo ano.
Aluisio Mendes (Podemos) queria unir o útil ao agradável ficando o PSL e colocando Braide como o candidato ao comando do município.

Procedente
O Supremo Tribunal Federal (STF) julgou procedente, na sessão do último dia 9, a ação Direta de (ADI 3072). que diz respeito a ações do tribunal no Maranhão,
A Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) alegou a inconstitucionalidade do artigo 80 e parágrafos da Lei Complementar 14/1991 do Estado do Maranhão, que concede ao presidente e ao vice-presidente do TJ um adicional.
Este adicional, segundo o STF, representa uma elevação dos vencimentos mensais acima do salário da corte máxima, ou seja, além do teto constitucional.

Cena política
A idéia do presidente estadual, Márcio Jerry, era afastar a ideia de que Duarte é uma pesona non grata entre os comunistas,
A outra estratégia de Jerry foi evitar que Duarte Júnior - agora desamparado - não se alie a nomes como Josimar de Maranhãozinho.
De qualquer forma, como posto nas redes sociais, o PCdoB parece ter sentido a pressão de dispensar um aliado, que entre os candidatos à Assembleia Legislativa, foi o mais votado.

Frente
Na sessão de hoje na Câmara Municipal de São Luís, deverá chegar ao plenário da Casa um pedido de criação da Frente Parlamentar para debater o Plano Diretor da cidade.
A ideia do autor da proposta, Honorato Fernandes (PT), é trazer para a Câmara a discussão que envolve toda a cidade.
Pelas conversas de bastidores, a aprovação da frente deve sair só campo das ideias para que os estudos sejam concretizados na Uema.

Não valeu
O prefeito de Imperatriz, Assis Ramos (DEM), tentou mais uma vez pedir desculpas pelo ato desnecessário que praticou contra um radialista na cidade.
Segundo ele, não foi uma ação contra o profissional, mas somente uma reação e que sabe que deverá responder pelos seus atos.
No fim de tudo, Assis Ramos não conseguiu ser convincente em qualquer de suas falas para justificar o ato tão grosseiro.

DE OLHO

R$ 1,7 bilhão é o valor já gasto do orçamento do governo estadual para 2019. Pelo aprovado na Assembleia, o estado terá R$ 20 bilhões previstos em receita.

E MAIS

• A ex-prefeita de Lago da Pedra, Maura Jorge, tem reclamado a aliados que não conseguiu se viabilizar para compor a equipe do presidente Jair Bolsonaro (PSL).

• Ela chegou a se reunir com Bolsonaro, no gabinete da presidência, não ainda não conseguiu ser nomeada de fato em cargos federais como vinha sendo especulado.

• Maura Jorge foi ao gabinete do presidente da República com a ajuda do senador Roberto Rocha (PSDB), que pediu - dentro de sua cota - um espaço na Funasa para Maura.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.