Estado Maior | COLUNA

Qual reforma mesmo?

08/03/2019

Em 10 de dezembro de 2018, o site do governo estadual publicou em sua agência de notícias release com informações de que, desde novembro do mesmo ano, estava sendo revitalizado o Complexo Canhoteiro, formado pelo Estádio Castelão, o Ginásio Castelinho e ainda as pistas de corrida e também a área da piscina.
Segundo informações do próprio governo, as modificações previstas nas tais obras incluíam “a construção de arquibancada nas quadras em torno do Castelão, construção de duas quadras poliesportivas e das escadas de acesso às quadras. Serão realizadas adequações e revitalizações nas áreas já construídas no complexo, reforma da quadra de beach soccer e da quadra poliesportiva”.
Pouco meses depois, a queda de parte do teto do Castelinho revelou que não houve qualquer tipo de obra no local. O próprio atual secretário de Esportes, Rogério Cafeteira, confirmou, em entrevista ao Jornal da Mira, da Mirante FM, que determinou um levantamento para saber das obras que serão necessárias e não confirmou qualquer tipo de serviços no local.
Esse episódio, envolvendo uma área que pouco chama atenção na sociedade - e não deveria ser assim -, demonstra que o governo Flávio Dino (PCdoB) trabalha mais com peças publicitárias e até com informações inverídicas em site oficial do que em prol da sociedade verdadeiramente.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte