Cidades | Inspeção

Vigilância Sanitária fiscaliza manipulação de alimentos nas praias

Iniciativa visa coibir contaminação e intoxicação alimentar
29/07/2018 às 00h00
Vigilância Sanitária fiscaliza manipulação de alimentos nas praiasNas fiscalizações é cobrado cumprimento de normas repassadas em treinamentos realizado em junho e julho (Divulgação)

Imperatriz - A Vigilância Sanitária municipal iniciou, na semana que passou, fiscalizações nas barracas das praias do Meio e do Cacau. Objetivo é inspecionar os empreendedores que comercializam alimentos às margens do Rio Tocantins, em Imperatriz, para garantir o cumprimento das normas sanitárias e evitar problemas referentes à intoxicação alimentar.

De cunho punitivo, visitas acontecem semanalmente e caso sejam encontradas situações fora dos padrões os comerciantes serão penalizados, conforme prevê a Resolução RDC Nº 216/2004 da ANVISA, que dispõe sobre Regulamento Técnico de Boas Práticas para Serviços de Alimentação. Segundo a equipe de fiscalização até o momento está tudo dentro das normas.

“Quando encontramos algo fora do lugar que não seja grave, damos um prazo pra se regularizarem, mas se retornarmos e houver caso reincidente, aplicamos as sanções previstas na Lei”, explicou a coordenadora da Vigilância, Márcia Figueiredo. Ela ressalta que todas as exigências cobradas foram repassadas aos trabalhadores em treinamentos, oferecidos em junho e julho.

Nas fiscalizações são cobradas medidas como a separação de alimentos cru dos cozidos; armazenamento de peixe separado de outros condimentos; não reutilização excessiva do óleo para frituras; organização da barraca; e necessidade do uso de equipamentos de proteção individual, como toucas, luvas e sachês.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte