Política | Lava jato

STJ decide que Lula pode ser preso após recursos no TRF-4

Ministros rejeitaram, por unanimidade, o Habeas Corpus com o qual o ex-presidente pretendia escapar da prisão após esgotados seus recursos em segunda instância
07/03/2018

BRASÍLIA - Por unanimidade, a Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu, nesta terça-feira (6), que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pode ser preso após julgamento em segunda instância. O ministro Joel Ilan Paciornik foi o último a votar, fechando o placar em cinco a zero contra o pedido de habeas corpus preventivo com o qual Lula pretendia evitar sua prisão após esgotados os recursos contra sua condenação no caso do triplex no Guarujá (SP).

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte