Edição Digital

O Mundo | Embaixada

Trump ignora alertas e reconhece Jerusalém como capital de Israel

Presidente anuncia transferência da embaixada dos Estados Unidos de Tel Aviv para cidade sagrada; gesto vai contra toda a comunidade internacional e gera preocupações de mais violência; Trump foi pressionado para que não tomasse decisão
07/12/2017

WASHINGTON - O presidente americano Donald Trump contriariou as pressões internacionais e anunciou na tarde de ontem que os EUA reconhecem Jerusalém como capital de Israel. A medida foi acompanhada da decisão de transferir a embaixada dos EUA de Tel Aviv, que concentra todas as embaixadas no país, para a cidade sagrada. Trump foi alvo de forte pressão para que não tomasse tal passo, que pode causar instabilidade nas negociações de paz entre Israel e palestinos e foi criticado por líderes de vários países e organizações.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2018 - Todos os direitos reservados.