Dedo duro

Dedo duro - Eurocopa - Alemanha x Itália

Alemanha e Itália fazem duelo com cara de decisão

Gazeta Press

- Atualizada em 11/10/2022 às 12h47

BORDEAUX (FRANÇA)

Em um clássico com cara de decisão, Alemanha e Itália colocam toda a rivalidade e tradiçãop em campo neste sábado, quando duelam a partir das 16h(de Brasília), no Estádio Matmut Atlantique, em Bordeaux, na França, em choque válido pelas quartas de final da Eurocopa. As duas equipes estão fazendo grande campanha. Os atuais campeões mundiais passaram sem sustos pela Eslováquia nas oitavas, com um elástico triunfo por 3 a 0. Já a Azzurra despachou a atual bicampeã Espanha com uma vitória por 2 a 0, quando dominou completamente o rival.

Os dois treinadores sabem o que representa esse tipo de confronto para a sequência da Eurocopa. Antonio Conte, comandante da Itália, vê o classificado com moral de campeão.

- Acho que quem passar desse confronto vai chegar muito forte nas semifinais, pois vai ter eliminado um favorito ao título em um clássico de grande porte não apenas no futebol europeu, mas mundial. Tivemos esse sentimento quando eliminamos a Espanha e sabemos que o grau de vontade em um duelo desse nível tem que ser o maior possível, pois apenas com técnica não se vencer um jogo desse. Estamos preparados - disse Conte.

Joachim Löw, técnico da Alemanha, prevê dificuldades para sua equipe.

- A Itália é um adversário sempre ruim para a Alemanha enfrentar pori o nosso jogo não casa com o jogo deles. Nós temos uma maneira de nos comportarmos, com ofensividade. Já os italianos apostam em uma marcação muito forte e isso normalmente nos gera problemas. Portanto, vamos ter que usar de muita movimentação e sermos precisos nas poucas oportunidades que devemos ter de conseguir a vitória - alertou Joachim Löw.

A Itália tem um sério problema no meio-de-campo. O volante Daniele De Rossi, com dores na coxa direita, não vem conseguindo treinar e dificilmente terá condições de atuar. Como o reserva imediato, o brasileiro naturalizado italiano Thiago Motta, está suspenso por acúmulo de cartões amarelos, o defensor Matteo Darmian deverá ser improvisado no posto. Com um time renovado, a principal aposta é o artilheiro brasileiro naturalizado italiano Éder.

Já a Alemanha não tem maiores problemas e vai repetir a escalação que bateu a Eslováquia. O meia Mesut Özil e os ofensivos Mario Gomez e Thomas Müller sempre geram preocupação nos rivais.

Pelo regulamento desta Eurocopa, caso a partida termine empatada no tempo regulamentar, acontecerá uma prorrogação de trinta minutos. Persistindo a igualdade no marcador, o classificado para as semifinais será conhecido somente nas cobranças de pênaltis. O classificado vai enfrentar na próxima fase o ganhador do duelo entre França e Islândia, que jogam no domingo.

FICHA TÉCNICA

ALEMANHA X ITÁLIA

Local: Estádio Matmut Atlantique, em Bordeaux (França)

Data: 2 de julho de 2016 (Sábado)

Horário: 16h(de Brasília)

Árbitro: Viktor Kassai (Hungria)

ALEMANHA: Manuel Neuer, Jérôme Boateng, Mats Hummels e Jonas Hector; Toni Kroos, Sami Khedira, Mesut Özil, Joshua Kimmich e Julian Draxler; Mario Gomez e Thomas Müller

Técnico: Joachim Löw

ITÁLIA: Gianluigi Buffon, Leonardo Bonucci, Giorgio Chiellini, Andrea Barzagli e Mattia De Sciglio; Daniele De Rossi (Matteo Darmian), Marco Parolo, Alessandro Florenzi e Emanuele Giaccherini; Graziano Pellè e Éder

Técnico: Antonio Conte

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.