Investigação

Polícia investiga morte de bebê com sinais de violência física e sexual em São Mateus; pai está foragido

A mãe da bebê chegou a ser conduzida à delegacia; o caso foi registrado nessa segunda-feira (14).

Imirante, com informações da TV Mirante

- Atualizada em 15/11/2022 às 08h43
Mãe da vítima foi conduzida à delegacia.
Mãe da vítima foi conduzida à delegacia. (Foto: Reprodução/TV Mirante)

SÃO MATEUS DO MARANHÃO – A polícia investiga a morte de uma bebê, de dois meses, registrada no município de São Mateus do Maranhão, nessa segunda-feira (14). O exame cadavérico constatou que a criança sofreu agressão física e violência sexual.

A mãe da bebê foi conduzida à Delegacia de Bacabal, e o pai está foragido. Ao tomar conhecimento da morte da criança e que o velório era feito a portas fechadas, a equipe do Conselho Tutelar da cidade decidiu ir à residência, pois o fato causou estranheza.

Leia mais:

Casal é preso suspeito de torturar bebê de quatro meses em Barra do Corda

Quando os conselheiros chegaram na casa, o carro da funerária já havia partido com o corpo para o enterro. A equipe, no entanto, conseguir impedir o sepultamento para que fosse realizado o exame cadavérico.

Segundo o laudo, a bebê estava com a cabeça quebrada, sinais de espancamento e violência sexual. A mãe relatou à polícia que o pai da bebê foi a última pessoa a estar com ela. Ele teria dito, ainda segundo a mãe no depoimento, que a criança sofreu um infarto. Ela foi liberada ainda ontem por volta de meia-noite, após a alegação de que foi coagida pelo companheiro.

O homem, que nem sequer quis levar a criança ao hospital, está sendo procurado pela polícia, e o caso está sendo investigado.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.