ESTADO ECONÔMICO

Cerca de 95 mil vagas de trabalho deverão ser abertas até dezembro

De acordo com os empresários, 30% pretendem iniciar as contratações em outubro, 26% em novembro e 17% em dezembro.

Imirante.com

As funções mais demandadas são vendedor, ajudante, balconistas, cabeleireiro, manicure e entregador (Foto/Divulgação)
As funções mais demandadas são vendedor, ajudante, balconistas, cabeleireiro, manicure e entregador (Foto/Divulgação)

Faltando três meses para as comemorações de fim de ano, os setores varejista e de serviços já vêm se preparando para o principal período de vendas com a contratação de novos profissionais. De acordo com levantamento realizado em todas as regiões do país pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), em parceria com o Sebrae, aproximadamente 95 mil vagas serão abertas no país até dezembro, número abaixo da projeção da pesquisa de 2021 (105.723 vagas), quando havia um otimismo relacionado à atenuação da pandemia e o retorno à vida "normal". Também menor que o período anterior à pandemia (103.211 vagas em 2019). 

Os principais motivos entre os que não irão contratar são: não acreditam que haverá um aumento significativo da demanda que justifique as contratações (35%), não possuem verba suficiente para contratações (25%) e os encargos trabalhistas serem muito altos (19%). Já entre os empresários que pretendem contratar funcionários, 77% afirmam querer suprir a demanda que normalmente aumenta nesse período. 

 “A diminuição do número de vagas que serão abertas mostra um cenário de cautela e incertezas por parte dos empresários, o que pode estar ligado ao momento do país, com cenário eleitoral, inflação alta e elevação da taxa de juros. Ao mesmo tempo, vemos o crescimento do PIB e que as empresas estão demitindo menos, o que traz alívio para os funcionários e aponta uma maior estabilidade do desemprego no país”, destaca o presidente da CNDL, José César da Costa. 

De acordo com os empresários, 30% pretendem iniciar as contratações em outubro, 26% em novembro e 17% em dezembro. 

A pesquisa mostra que pouco mais da metade (55%) pretende contratar mão de obra temporária e 32% pretendem fazer contratações por tempo indeterminado. Entre as empresas que farão contratações temporárias, 78% farão contratações neste formato com duração de até três meses. A média de funcionários contratados temporariamente será de 1,5. 

Considerando a forma da contratação, 49% afirmam que fará contratações informais e 48% farão contratações com registro. Apenas 14% farão contratações de terceirizados. 

No que tange ao perfil dos funcionários já contratados ou que ainda serão contratados, as mulheres são preferidas (25%) em relação aos homens (17%), embora a maioria (55%) afirme não se importar com o sexo dos funcionários. 

A expectativa média de salário é de 1,36 salários-mínimos, cerca de R$ 1.648. Quanto a jornada de trabalho, a maioria (63%) ofertará vagas entre 6h a 8h diárias. 

Há uma grande variedade de cargos e funções, porém as mais demandadas pelas empresas serão: vendedor (29%), ajudante (24%), balconistas (16%), cabeleireiro (7%), manicure (7%) e entregador (6%).

Dia das Crianças

A Intenção de Consumo para o Dia das Crianças 2022, apurada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Maranhão (Fecomércio-MA), projeta um cenário positivo para as vendas no varejo em São Luís. Com 2 em cada 3 consumidores pretendendo presentear, a data comemorativa mais divertida do ano deve dar o pontapé no estímulo da economia local, já preparando o comércio local para o período sazonal de fim de ano.

Em 2022, o percentual daqueles com a intenção de agradar a criançada é de 65,7%. Mesmo com a alta no preço dos presentes, o apelo afetivo da data, a reaproximação social neste período pós-pandemia e até mesmo fatores econômicos como, por exemplo, o consumo represado nos últimos meses, são justificativas para agradar os pequenos no mês de outubro.

“O conjunto destes fatores contribuiu para que a busca pelo presente do Dia das Crianças continuasse otimista, mesmo em um cenário de incerteza econômica, com o aumento do nível de preços em alguns segmentos do comércio varejista, como o de brinquedos e roupas infantis, por exemplo”, aponta o presidente da Fecomércio-MA, Maurício Feijó.

Taxa de desocupação

A taxa de desocupação, que mede o desemprego no país, segue em queda e chegou a 8,9% no trimestre encerrado em agosto. Essa taxa representa redução de 0,9 ponto percentual na comparação com o trimestre anterior, terminado em maio. Também é o menor patamar desde o trimestre encerrado em julho de 2015 (8,7%). Já o contingente de pessoas ocupadas foi de 99 milhões, batendo novamente o recorde na série histórica, iniciada em 2012. Pelo segundo mês consecutivo, o rendimento real habitual cresceu e chegou a R$ 2.713 no trimestre.

Os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Contínua, divulgada pelo IBGE, informam ainda que o nível de ocupação, ou seja, o percentual de pessoas ocupadas na população em idade de trabalhar foi estimado em 57,1%, um crescimento em comparação com o trimestre anterior (de 56,4%) e acima do mesmo período do ano passado (de 53,4%).  

Tecnologia da Informação

Comitê Gestor da Tecnologia da Informação é criado pela Secretaria Municipal de Fazenda (Foto/Divulgação)
Comitê Gestor da Tecnologia da Informação é criado pela Secretaria Municipal de Fazenda (Foto/Divulgação)

A Secretaria Municipal de Fazenda (Semfaz) criou o Comitê Gestor da Tecnologia da Informação Semfaz (CGTI), que tem como foco a integração, articulação, transparência e celeridade nas ações de Tecnologia da Informação no órgão.

O comitê é coordenado pelo auditor fiscal e superintendente de Informática, Emerson Lisboa e composto pelo secretário municipal da Fazenda, José Azzolini; a secretária Adjunta de Gestão Tributária, Monique Bragança; o secretário Adjunto Administrativo Financeiro, Nonato Fernandes; e todos os superintendentes da Semfaz.

Processos trabalhistas

A Vara com maior acervo de processos trabalhistas no Maranhão, a 1ª Vara do Trabalho de Imperatriz, já arquivou 3.000 processos nos nove primeiros meses deste ano. Com o resultado, a VT cumpriu antecipadamente a meta prevista para 2022. Segundo o diretor de secretaria da vara trabalhista, servidor Luiz Sadoque de Lima Matos, com esse arquivamento, o acervo da vara, que no início do ano era de cerca de 7.600 processos em tramitação, foi reduzido em 40%.

Em comparação a 2020, quando foram arquivados 1.227 processos, o resultado foi 144,49% superior. Já em relação a 2021, o crescimento correspondeu a 40,97%, uma vez que nesse ano foram arquivadas 2.128 ações trabalhistas.

VAREJO

Trilha Empreender

Uma vasta programação para comemorar a Semana do Empreendedor será desenvolvida pelo Sebrae Maranhão, no período de 4 a 7 de outubro, no município de Passagem Franca. Uma das ações é a Trilha Empreender, que contará com o curso “Transforme sua ideia em um modelo de negócio”, além de oficinas de empreendedorismo e análise de mercado. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas na Sala do Empreendedor local. 

Torneio de Robótica 

O Sistema Fiema lançou na quinta-feira, 29 de setembro, o Torneio Regional de Robótica do Sesi. A temporada Super Powered vai acontecer em fevereiro de 2023, no Sesi Araçagi, e terá como tema energias renováveis. O presidente da Fiema e diretor regional do Sesi-MA, Edilson Baldez, participou do lançamento e enfatizou o desenvolvimento e o fortalecimento da robótica no Maranhão, assim como o diferencial do Sesi em ofertar conhecimento com inovação e tecnologia.

Convenção Coletiva

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Maranhão (Fecomércio/MA) e o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Estado do Maranhão assinaram Convenção Coletiva que abrange a categoria dos motoristas das empresas representadas pelas entidades convenentes. A convenção foi assinada pelo presidente da Fecomércio-MA, Maurício Feijó, e pelo presidente do Sindicato, Marcelo Brito.

MPEs no vermelho

Mais de 5,5 milhões de micro e pequenos negócios (MPEs) estavam com o nome no vermelho em agosto, de acordo com dados do Indicador de Inadimplência das Empresas da Serasa Experian, As empresas que atuam no setor de Serviços são as que possuem a maior representatividade, com 52%, seguidas pelas atuantes no Comércio (39,5%). O ranking das regiões com mais CNPJs no vermelho é liderado pela Sudeste (53%), depois a Sul (16,4%), a Nordeste (16,3%) e a Centro-Oeste (9%). 

Locação residencial

Os contratos de locação residencial em andamento, com aniversário em outubro e correção pelo IGP-M (Índice Geral de Preços - Mercado), poderão ser reajustados em 8,25%. Esse é o percentual acumulado em 12 meses (outubro de 2021 a setembro de 2022) do indicador, divulgado hoje, 29/9, pela FGV (Fundação Getúlio Vargas). Em setembro, a variação foi de 0,95%. O IGP-M é um dos principais indicadores utilizados para reajuste contratual, por ser divulgado ainda dentro do mês de referência. Para facilitar o cálculo do novo aluguel, o Secovi-SP divulga fator de atualização, que no caso será de 1,0825.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.