ESTADO ECONÔMICO

Economia do Maranhão deve crescer acima da média nacional em 2023

Segundo estudo do banco Santander, PIB maranhense terá alta de 0,5% no próximo ano.

Imirante.com

Com 74% de participação, o setor de Serviços é o motor da expansão da economia maranhense (Foto/Divulgação)
Com 74% de participação, o setor de Serviços é o motor da expansão da economia maranhense (Foto/Divulgação)

Em um contexto desafiador para a economia brasileira, com o impacto defasado da política monetária mais restritiva, o Produto Interno Bruto (PIB) do Maranhão deve crescer 0,5% em 2023. A perspectiva faz parte de estudo especial sobre economia regional do Santander, que prevê queda de 0,2% para o PIB do Brasil no próximo ano. Já a economia da região Nordeste ficará praticamente estável, com alta de 0,1%.

Realizado anualmente, o levantamento apresenta projeções do banco por estados e regiões do país para o horizonte de 2020 a 2023. Os últimos dados oficiais do IBGE para as economias estaduais são de 2019.

Pelas estimativas de Gabriel Couto, economista do Santander e autor do estudo, o PIB maranhense diminuiu 2,9% em 2020, ano que marcou o auge do impacto da pandemia na atividade econômica. Em igual comparação, a economia nacional recuou 3,9%, conforme já divulgado pelo IBGE.

Em 2021, quando a flexibilização das medidas de restrição à mobilidade permitiu a reabertura da economia, o PIB do Maranhão avançou 1,9%, calcula Couto. “O motor dessa expansão foi o setor de serviços, que representa 74% da economia maranhense e cresceu 1,5% no estado no ano passado, considerando nossas projeções”, afirmou.

Os serviços indicam tendência consistente de expansão no Nordeste após a reabertura, comenta o economista do Santander, embora nem todos os estados tenham retomado os níveis pré-crise. “O Maranhão é um dos destaques positivos da atividade dos serviços na região”, destaca Couto.

Já neste ano, o Santander projeta estabilidade para o PIB maranhense, com redução de 0,4% da atividade dos serviços e queda de 2,5% na agropecuária. A indústria deve ser o único segmento com crescimento no estado em 2022, de 3,5%, observa Couto. De acordo com o levantamento, os setores agro e industrial têm peso de 8,7% e 17,3% na economia do Maranhão, respectivamente.

Encontro com Empresários

Como parte das celebrações pelos 54 anos da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema), será realizado de 27 deste mês, às 11h, no Hotel Luzeiros, o Encontro com Empresários, tendo na programação palestras com Cláudio Ribeiro, diretor-presidente da 2W Energia, que falará sobre “Estratégia Economia Verde na sua Empresa”; e Amyr Klink, economista, navegador e empreendedor, que abordará o tema "Como as Expedições do Amyr Klink podem levar seu negócio mais longe: do planejamento a execução."

Com essa programação, a Fiema comemorará os resultados alcançados no exercício do seu papel fundamental de representar e defender os interesses das indústrias, contribuindo para a consolidação, modernização, competitividade e crescimento do setor industrial no estado.

Agenda de trabalho

O Sindicato dos Produtores Rurais de Balsas (Sindibalsas) recebeu equipe da Secretaria de Estado de Indústria e Comércio (Seinc) em agenda de trabalho que constou da realização da 3ª Oficina das Escutas Empresariais para a Competitividade do Maranhão, ouvindo a classe para viabilizar ações com base na demanda do município. 

Em seguida, a Seinc entregou as escrituras de terrenos para três empresas se instalarem no Distrito Industrial do município, dando continuidade ao trabalho de incentivo à instalação e expansão de negócios no Maranhão para geração de emprego e renda.

Houve ainda uma visita à empresa Boa Safra, também no Distrito, para conhecer mais sobre o empreendimento que está em processo de instalação, com previsão de início de funcionamento em outubro. Serão mais de 550 empregos diretos e indiretos.

Fecomércio na Fecoimp

Estande do Sistema Fecomércio/MA na 20ª Feira do Comércio e Indústria de Imperatriz (Foto/Divulgação)
Estande do Sistema Fecomércio/MA na 20ª Feira do Comércio e Indústria de Imperatriz (Foto/Divulgação)

O Sistema Fecomércio/MA está presente na 20ª Feira do Comércio e Indústria de Imperatriz (Fecoimp), grande evento multissetorial que se encerra neste sábado (24), no Centro de Convenções de Imperatriz. 

Com a participação de seus braços sociais – Sesc e Senac, o Sistema Fecomércio participa de Fecoimp com estande , onde estão sendo desenvolvidos serviços de saúde, beleza, workshops, além da representação empresarial, orientação econômica, assessoria sindical, entre outros.

Durante a abertura da Fecoimp 2022, o vice-presidente da Fecomércio-MA, Vilson Maia, destacou a importância da atuação do Sistema Comércio na região, especialmente o início, este ano, das obras do Sesc Imperatriz.

Painel do XVII FIA

O presidente do Conselho Regional de Administração do Maranhão (CRA/MA), Jaylson Mendonça, será o mediador do Painel do XVII FIA - “Ética e o Mundo Corporativo”, que acontecerá dia 27 deste mês, às 19h40, tendo como painelistas Rogerio Bohn (Rio Grande Sul), Gaini Mukhanova (Cazaquistão) e Patrick Ovoasuyi (Nigéria).

O Fórum Internacional de Administração - FIA, promovido pelo Conselho Federal de Administração (CFA), com realização do Conselho Regional de Administração do Pará (CRA-PA), será realizado de 26 a 28 de setembro, em Belém, e é considerado o maior evento da Ciência da Administração da América Latina.

VAREJO

Empreendedorismo

Empreendedores maranhenses que desejam ampliar seus negócios ou diversificar linhas de produtos existentes, contam com o apoio de crédito e incentivos fiscais oferecidos pela Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene). Empresários de Balsas tiveram a oportunidade de conhecer esses instrumentos de apoio ao setor produtivo, durante encontro realizado pela Sudene.

Agentes Locais de Inovação

O programa Agentes Locais de Inovação (ALI) desenvolvido pelo Sebrae em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), ganhou o reforço de mais 37 profissionais no Maranhão, que atuarão na aplicação de soluções de inovação em produtos, serviços e processos. Criado há 12 anos, o programa já reuniu mais de oito mil Agentes Locais de Inovação, que aplicaram a metodologia em cerca de 300 mil pequenos negócios em todo país.

Prevenção à fraude

A pesquisa global da Experian sobre autenticação e prevenção à fraude identificou que 77% dos entrevistados no Brasil estão preocupados com roubo de identidade, número superior ao obtido com os entrevistados no resto do mundo que é de 57%. A pesquisa também mostra que 61% dos brasileiros já passaram por alguma experiência deste tipo ou conhecem alguém que foi vítima. 

Monitoramento agrícola

O Boletim de Monitoramento Agrícola, produzido pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) e o Grupo de Monitoramento Global da Agricultura (Glam), e que informa sobre as condições agrometeorológicas, aponta para a finalização das colheitas da primeira e segunda safras de algodão no estado do Maranhão. O clima favoreceu as operações de campo durante o mês, que já alcançam 96% da área semeada. Estão sendo alcançados bons resultados médios de produtividade e boa qualidade da fibra.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.